rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

segunda-feira, outubro 06, 2008

Camilo regressa! Portugal te reclama!

Esta Escritora é uma excepção...

Olhando para o céu ela vislumbra a imagem de Camilo Castelo Branco dialogando com os anjos e ao lado de Ana Plácido a sua companheira na eternidade! E sonha também ser uma Ana Plácido!


Camilo Castelo Branco, esse magistral escritor que pintou com mestria a sociedade do seu tempo, faz cada vez mais falta. Hoje em dia a literatura está embrutecida, sem ícones, sem aquele maravilhoso pincelar que define os grandes mestres, os artista da pena, os cinzeladores da palavra. Camilo (a par de Eça) foi aquele que mais graça, mais sarcasmo, mais ironia derramou em páginas e páginas de um português escorreito e sadio. Quando vemos hoje em dia escribas emblemáticos (mediáticos, como dizem, petulantes e ufanos...) a esgotarem as meninges com romances menores, sem aquele carisma que define a intemporalidade, apetece reler Camilo e até desejar que surja alguém capaz de perenizar o nosso quotidiano, com tantos e tantos motivos para seduzir os escritores.

Em Homenagem ao génio camiliano, aqui deixo estas singelas quadras que não são mais que uma genuflexão ao Mestre!...


ESTE AMOR DE PERDIÇÃO...



Ai Camilo, se viesses
Revisitar Portugal,
Este ninho apaixonante,
Ao vê-lo, talvez quisesses
Pintar um belo mural
Em estilo satirizante...




Um «Amor de Perdição»
Anda no ar, tão febril,
Tão excelso, só candura,
Ela é flor de estimação
Exala odor feminil
É sol e lua à mistura!...



Agarra qualquer varão
Com fogosa eloquência
Escritora com talento
E tem o raro condão
De ostentar com sapiência
Todo e qualquer tratamento!

Fruta madura, agridoce,
Serpente da tentação
Deusa da caça, Diana!
Noutra vida talvez fosse
De Vénus encarnação
Ou... leoa na savana!...

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home