rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

domingo, agosto 28, 2016

IDOSOFOBIA?!

Professor Marcelo, será que ela está a propor a injecção atrás da orelha?!

sábado, agosto 20, 2016

Nos braços de Morfeu...

Dormir a sesta é um direito ...
Os nossos animais fazem parte da nossa família... e vão para o céu, diz este Papa!

sexta-feira, agosto 19, 2016

Veredas estreitas e manhosas...



Nas veredas estreitas da promiscuidade
passeiam, macambúzios, sem norte,
à deriva, desvairados, no mar da irregularidade,
ao arrepio da lei, só boçalidade,
esgrimindo argumentos estultos,  feridos de morte!

A deusa justiça, sobranceira, já torce o nariz
e até a Divina Providência
não parece ostentar um olhar feliz
ao ver dislates com tanta frequência
já esgotou o stock de clemência...

Enfim, sem rei nem roque, ao Deus-dará
o povo está atento, não mais quer ser gado,
sabe que o seu voto, é um maná
que sustenta a clique que no pedestal está
até ao dia em que for tudo desmascarado!

quinta-feira, agosto 18, 2016

Portugal sorrindo-nos...


quinta-feira, agosto 11, 2016

PORTUGAL ARDENDO...

O combate aos fogos não dá tréguas. Esta bombeira aleita o filhote no intervalo das operações...

Já era previsível. Depois de um inverno e de uma primavera chuvosos os materiais combustíveis das matas cresceram e o rastilho estava  ali à vista. Eu, e alguns conterrâneos (muitos, por sinal) fomos previdentes. Eu procurei  abrir asseiros e alargar uma via circundando a mata permitindo o acesso pleno a cisternas ou carros de bombeiros. Além de um abate significativo (cerca de tresentas toneladas de madeira) procurei fazer uma limpeza mais cuidada. Todos os cuidados são poucos nesta matéria...

Agora, pelo país inteiro assiste-se a uma autêntica tragédia. O próprio governo inviabilizou um acordo com a FAP no sentido de colaboração activa num cenário de fogos, como tinha sido já encetado pelo anterior governo. O que falhou? Nada se sabe tudo fica no segredo dos deuses, o povo é o último a saber...

Na Madeira o caos e o pânico instalaram-se. Os meios sempre escassos tornaram-se escassíssimos dada a gravidade da calamidade. Gastam-se fortunas em pirotecnias loucas por alturas do ano novo e do carnaval mas na prevenção pouco ou nada se investe. Ninguém assume responsabilidades. A impunidade é total.

É óbvio que a natureza não é a única culpada. Há que criar uma prevenção mais pró-activa, gerar e gerir  mecanismos preventivos com a ajuda do Estado e colaboração das autoridades no terreno. disponibilizar todos os meios para criar asseiros, vias de acesso aos locais mais inóspitos, enfim, prevenir antes de remediar...

No inverno lá teremos as cheias, nada se faz agora para prevenir os seus danos colaterais... Enfim, só sabemos carpir mágoas... 

Recentemente a senhora ministra da administração interna veio publicamente dizer que as forças Armadas não têm capacidade para combater fogos!
Ora, esquece que já há cerca de seiscentos militares do Exercito nesse combate e a Força Aérea só não está lá por motivos muito obscuros. Vejam o que diz o Coronel Joaquim Manquito, do conselho superior dos Oficiais das Forças Armadas sobre este tema:

«Parece impossível… No final do século passado, enquanto o combate aos incêndios florestais foi uma “Missão”, a Força Aérea Portuguesa operava os meios aéreos em Portugal, mas quando esse combate passou a ser um “Negócio” arrumaram-se os C-130, os kit MAFFS para os equiparem ficaram a apodrecer, os bombeiros exaustos, os meios de substituição não aparecem e….o flagelo continua.
Quais as vantagens? A centralização dos meios aéreos na Força Aérea com custos reduzidos para o erário público, bem como a poupança em termos de manutenção (dado o background existente) e uma logística dos meios incomensuravelmente mais rápida e operacional.
Parece que, conforme noticiado em 09jun2016, o MAI recusou entregar à Força Aérea, a gestão e operação dos meios aéreos de combate a incêndios, bem como os de emergência médica, optando por manter o actual estado de coisas, com várias entidades, várias frotas, cada uma no seu “interesse” e custos acumulados para todos, incluindo contratação dentro e fora do país.
Espanha, EUA, Grécia, Croácia, Marrocos, são exemplos de países onde os meios aéreos de combate a incêndios são operados pela Força Aérea local. Parece impossível…»

Nota: Um socialista moderno faz isto!

sexta-feira, agosto 05, 2016

ORAÇÃO

Ó Senhor dos Navegantes
Afastai p'ra longe o mal
Guiai estes governantes
Pilotos de Portugal!

A lusa nau vai sem norte
É bem forte o temporal
A dívida... é um fartote...
Vai subindo em espiral.

Os juros asfixiantes
O povo sofre, infeliz,
Ó Senhor dos Navegantes
Dá novo rumo ao país!

Impostos?! É um mar bem cão!
É pagar e não bufar
Senhor, não há salvação
Mesmo o sol vão tributar!!!

Ó Senhor dos Navegantes
Mentiras, já são demais
Políticos? uns tratantes
Querem tacho... e nada mais!

A Nau Portugal lá vai
Senhor! vem de novo ao mundo
Então, o leme agarrai
Ou vamos todos ao fundo!

Vemos tantos navegando
No mar da prosperidade
A teta estatal sugando
À sombra da impunidade!

Ó Senhor da Boa Esperança
Isto é uma calamidade
Alguns na eterna bonança
E o Povo?! Só tempestade!!!


domingo, julho 31, 2016

O "animal feroz" volta a atacar!



VER AQUI

José Sócrates diz que vai processar o Estado. Está no seu direito. Que tenha êxito e que obtenha o que pretende é a sorte que lhe desejo...
Contudo, quando vem com aquela lengalenga de a justiça o andar a perseguir por ele querer ser Presidente da República, por querer derrotar o PS nas eleições legislativas, cheira-me a entediante exercício de um ilusionista (mau) que pretende fazer ver aos outros o que não existe!
Enfim, a mesma cassete repetida até à exaustão por Lula da Silva: VER AQUI! Acha o senhor engenheiro sanitário que os indícios colhidos não são suficientemente elucidativos? acha que todos os juízes que decretaram a sua prisão preventiva e os que derrotaram todos os pedidos de habeas corpus são  loucos ou andam a persegui-lo por causa dessa sua hipotética candidatura? Não roçará a paranóia esta postura sistemática do complot e da teoria da conspiração?! Deixe-se dessa aberrante postura que já ninguém acredita. Estamos (está o país inteiro...) fartinho das suas lamúrias, do seu lacrimejar  hipócrita, da sua vitimização incurável!

Deixe-se de fazer o mal e a caramunha pois já fede essa postura ridícula!

Eu votei em si com convicção. Apreciava a sua eloquência, o seu pensamento avançado nos domínios da tecnologia, do ambiente, da simplificação administrativa. Mas fui enganado por si. Se me tivesse feito favores ou dado alguma benesse era capaz de  usar uma linguagem diferente, mas não devo, não posso deixar de verberar esse aproveitamento da comunicação social que lhe estende as páginas para o seu exercício histriónico de vitimização. Se todos os indivíduos nas mesmas circunstâncias tivessem o espaço que lhe é concedido, o país não teria mais notícias a não ser isto. Cheira a tentativa de coação da justiça e de intimidação do poder judicial. Já é demais e o que é demais é erro! As cartas rogatórias podem ficar sem resposta, as pressões a nivel internacional podem ser tantas que a justiça seja amarrada de pés e mãos, contudo, pelo que as escutas indiciam (e são apenas a parte visível do icebergue) ninguém em seu perfeito juizo pode louvar o comportamento do senhor engenheiro sanitário. A sua ex-namorada Fernanda Câncio, já teve algumas intervenções lúcidas e sensatas que nada abonam o comportamento deste senhor...Pena é que não se façam jantares de homenagem aos magistrados que conduzem este processo, sendo alvo de ameaças torpes, de acusações vis, de autênticos linchamentos de carácter. A eles, o meu aplauso, com a mesma veemência com que verbero outros juizes,  __ e conheço alguns, tristes e macambúzios__  que fazem vista grossa e ouvidos de mercador, pactuando, de facto, com os corruptos.

Maria jose Morgado sabe do que falo!!!