domingo, maio 19, 2019

OBSCENIDADE...

A figura boçal de um novo pobre que já foi novo rico à custa de toda uma parafernália de  promiscuidades que infernizam a vida dos portugueses. Crédito de um banco público, sem dar garantias credíveis em montantes exorbitantes e depois... tudo o vento levou!

Quem deu cobertura a este  paradigmático chicoesperto?

Cúpulas partidárias que  serviram de background a toda esta pouca vergonha. Responsabilidades=

Enfim a culpa morre solteira... Paga o Zé Contribuinte!


Lendo os estatutos da sua Fundação pode concluir-se que esta se obriga a sustentar a família Berardo para sempre! Isto é que é cumprir à risca aquele ditado popular: «A caridade começa na nossa própria casa!»

 
FUNDAÇÃO BERARDO UM MANÁ INIMAGINÁVEL!!!


Leia-se e  medite-se: VER AQUI

https://www.tsf.pt/portugal/economia/interior/fundacao-obrigada-a-sustentar-berardo-e-familia-para-sempre-10925896.html?fbclid=IwAR1G12WACSLqs-FCzypJFkRldliiIHEfZb9_yr9sOF4x-JVsD-_N1wkvbEw

terça-feira, maio 14, 2019

Paulo Morais, o dedo e a ferida...

Joe Berardo e Paulo Morais  (a ferida e o dedo, respetivamente).

Já há muito tempo que Paulo Morais definiu a AR como o centro da corrupção neste país. Porquê? Porque o legislador o faz em moldes que propiciam e facilitam a corrupção em vez de a penalizarem  e/ou prevenirem. Os casos são gritantes e amontoam-se às centenas!
E tem carradas de razão. Então os partidos maioritários têm as mãos sujas desta lama que envergonha o país inteiro e que  permite que a corja  corruptora viva à custa do contribuinte. Sim, este é que paga o sangue  que o estado vampiro vai sugando. A corja de vampiros que cirandam à volta deste cenário são normalmente financiadores dos partidos. Dão o presunto e vão buscar varas de porcos!!!
Esta é que é a crua realidade!

Em tempos fiz uma denúncia à chamada Alta Autoridade Contra a Corrupção. Esta, por imperativo legal,  era obrigada a não identificar o denunciante e investigar a fundo o teor da denúncia!
Que fez?
Deu azo a que três cartas  fossem divulgadas (nem sequer pediu sigilo a quem as entregou) e não investigou a fundo as questões, entregando a entidades que, por si, não tinham competência legal para aprofundar as investigações! Há uma afirmação de uma delas que afirma ter "limitações de ordem funcional", ou seja,  não podia ter acesso a contas bancárias nem a consulta de conservatórias de registo patrimonial, por exemplo.

Fiz uma denúncia ao senhor Presidente da República alegando poder estar em causa o regular funcionamento das instituições pois ao ser divulgada uma carta (foram três,  mas eu ainda não sabia...).   O PR em vez de pedir explicação ao senhor Alto Comissário, endossou-lhe cópia da minha carta e pediu-lhe que me respondesse!

Este, tentou processar-me, mas o assessor aconselhou-o a não o fazer pois havia de facto um crime de violação e eu fora prudente não afirmando categoricamente que fora ele a divulgar a carta. Disse o referido assessor jurídico que eu usara "animus corrigendi" e não "animus injuriandi"...
Enfim, mandou um assessor dizer que "me dera todas as respostas",  quando, de facto,. não respondeu epistolarmente à minha carta em que solicitava uma explicação para essa actividade delituosa da sua parte.
Enfim, a questão deu origem a retaliação da parte da entidade visada, deu azo a adulteração de provas (o que o legislador procurava obviar com a não divulgação, coagindo ao rigoroso sigilo)
e andou-se a brincar positivamente. Quem pagou as favas? O denunciante, o contribuinte, o  membro da assembleia municipal que acreditou no legislador!!!

O centro da corrupção é de facto o parlamento. quem faz as leis fá-lo de modo a permitir a proliferação de casos como este de Joe Berardo que não é mais que  um pequeno pântano nauseabundo no grande Pântano dos Pântanos que é este regime a quem  alguns chamam democracia. Mas que, de facto, só tem o nome. Nada mais.

José Manuel Figueiredo Leite de Sá

sábado, maio 11, 2019

Claques e burrice, essa nova praga...

Aproxima-se o fim do campeonato e as claques do futebol ameaçam fazer miséria. Agora até um atleta do Rio Ave que nem sequer tem jogado, é ameaçado de morte, através do Instagram.

Já basta de insanidades. O país está cheio delas: veja-se o caso Joe Berardo a rir-se dos que lhe concederam crédito para comprar acções...e, agora, triunfante,  gaba-se de nada ter para penhorar!!!

Se fosse na China ele e os que concederam crédito sem um resquício de garantias, iriam para o cadafalso!!!

Por cá, a impunidade continua a ser o manto diáfano que cobre os cretinos que por aí abundam mostrando o corta-palha bem tratado nos ecrãs das televisões...

Asnático regime que permite tudo isto. Dá NÁUSEA!!! 

 

sábado, abril 13, 2019

Humildade, ou algo de perturbante a meditar...

VER AQUI

Enfim, sabemos que em tempo de quaresma os Papas dão exemplos de humildade beijando os pés de prisioneiros. A tradição deste gesto pode ter múltiplas interpretações. Contudo isto poderá ser interpretado como uma manifestação de submissão religiosa e gerar aproveitamentos pouco éticos. Os muçulmanos poderão aproveitar este gesto como forma de ostentar uma superioridade que não existe. Há tradições que deveriam ser repensadas...
Enfim, meditar é preciso...

terça-feira, abril 09, 2019

Antevisão do Liverpool VS F C do Poreto e do S L Benfica VS Eintratch Frankfurt

  Esta minha antevisão tem propósitos pedagógicos e visa alertar para situações pouco visíveis a olho nu.
Em primeiro lugar Portugal tem  poiuca influência a nível da superestrutura da arbitragem europeia. Sabemos o peso que isso tem tido, infelizmente. 
Acresce o facto de alguns pecados por nós cometidos neste domínio (e são tantos e tão graves que nem vou elencá-los) têm criado a convicção de que no nosso país a corrupção é quem mais ordena.
As arbitragens que nos tocam sofrem logo desse pecado original: nenhum árbitro sério e conhecedor deste cenário, quer passar por corrompido. Assim, em caso de dúvida, as equipas portuguesas são logo alvo de uma predisposição para  a penalização...

Agora, os aspectos técninos e tácticos.

O Porto tem de se acautelar com aquele tridente ofensivo (Mané, Salah e Firmino), com centro de gravidade baixo e com uma capacidade de intrusão fabulosa. Parecem três gazuas endiabradas. Há que usar uma contenção prudente. Danilo, será util, porventura no final se as coisas estiverem a correr bem. De início, nunca! Há que os chamar e deixá-los poisar. Fazer circular a bola e deixá-los cansar. Só assim estarão criadas as condições para domar aquela fera...

Quanto ao Benfica há que ser paciente e não entrar em ansiedades. Eles não são papões. contudo há que corrigir alguns aspectos com urgência.
Está a contecer com João Félix o mesmo que aconteceu com Gerson Fernandes  no início da temporada. Ele já está em burnout! Não foi feita uma entrada progressiva e paulatina na equipa principal. A espiral de elogios é desproporcional  e  deixa marcas. Os últimos jogos foram uma  evidência deste estado de saturação e de desgaste físico e anímico. Há que ser prudente e metê-lo na segunda parte, quando a força física dos adversários começa a faltar e a sua velocidade estonteante poderá ser uma mais valia. 
Os "pesões" e as cotoveladas deixam marcas. Há que ser prudente e poupá-lo de início... Não por castigo,  mas por uma questão de inteligência!

Espero não me enganar mas os alemães são ainda mais calculistas e manhosos que os ingleses. Há que saber dar-lhes a volta e nunca cair em ansiedades...


Saborear a vitória exige sede, sede de ganhar, sede de vencer, mas também cautela e prudência na justa medida.
Post Scriptum O Porto perdeu 2 - 0  com o Liverpool. O árbitro foi parcial e podia ter dado um penalty a favor do Porto. Podia ter punido Salaha com cartão vermelho por carga violenta sobre Danilo e não o fez.

O Benfica ganhou por 4  -  2 e podia ter feito mais golos. O árbitro perdoou um penalty claríssimo por carga (empurrão) sobre Cervi. João Félix fez três golos (um de penalty) e brilhou a grande altura. Contudo, há que enquadrar o seu crescimento com comedimento e precaução. O desgaste excessivo, nesta idade, pode ser deitar tudo a perder... matar a galinha de ovos de ouro...


SEGUNDA VOLTA:


O F. C. do Porto perdeu em casa por 4 - 1 e o primeiro golo dos ingleses foi fora de jogo assinalado pelo árbitro auxiliar mas estranhamente validado pelo VAR!

MAIS PALAVRAS PARA QUÊ?!!!


O S. L. Benfica foi perder à alemanha por 2 - 0 sendo o primeiro golo alemão em flagrante fora de jogo não assinalado pelo árbitro. Como não há VAR e o treinador  Bruno Lage fez o gesto ao árbitro a solicitar )(!) a intervenção do VAR, este decidiu expulsá-lo!!!

sexta-feira, abril 05, 2019

As sombras e as omissões,,,

Paulatina e  sobriamente vão-se descobrindo coisas que não deveriam ter acontecido num banco que é uma referência nacional e que já foi motivo de orgulho para todos nós, a Caixa Geral de Depósitos.
A que se deveu tudo isto?
Uma miscelânea de interesses, a que não foi alheia a ânsia dos partidos políticos mais representativos em  obterem para si (financiamento eleitoral) e amigos,  também eles financiadores desses mesmos partidos, o dinheiro fácil que está na génese de imparidades sem conta. Dívidas de cobrança impossível ou duvidosa foram surgindo como cogumelos em manhã chuvosa.
 Culpar quem ?
A supervisão?!
Esta acoberta-se na legislação que considera pouco propícia a intrusões e quiçá motivadora de corrupções e tráficos de influências; talvez haja alguma validade nesta argumentação mas não justifica tudo o que se passou. 
O país assiste, perplexo, a buracos e derrapagens sem conta,  fruto de abusos e de laxismos a roçar a gestão danosa e a corrupção.
Conceder créditos para aquisição de acções do BCP (com o objetivo último de controlar o poder por essa via, nesse banco) foi algo de patético e de aprendiz de feiticeiro.
Eduardo Paz Ferreira faz declarações contundentes não poupando a pouca objetividade das auditorias.
Um mundo tenebroso perpasso aos olhos do contribuinte comum  cada vez mais assoberbado com uma carga fiscal excessiva e virada para pagar tolices de  vária índole cometidos ao longo de anos e anos de laxismo, oportunismo, abastardamento. 
A democracia não se compadece com estas traficâncias que  corroem o Estado e causam danos colaterais aos mais diversos níveis pondo em causa a sustentabilidade do próprio regime.
Ou temos coragem de travar esta espiral de irresponsabilidade e de oportunismo ou seremos a médio prazo devorados  pelos fenómenos supervenientes.

sábado, março 30, 2019

Papa recusa o tradicional beija-mão!!!

VER AQUI

Será para continuar com esta postura?=

Alguns dizem que foi para evitar a disseminação de germes VER AQUI   Será só isso? Então beijar o menino Jesus e o próprio Jesus crucificado passará a ser proibido  em defesa desta teoria...Há doenças, como a herpes,  que podem ser propagadas assim...

Enfim, ele tem manifestado certa censura por situações de pompa e exibição de títulos da parte do clero, sobretudo aqueles que são mais comuns: monsenhor, arcipreste,  cónego...

Talvez pense que ele próprio deve dar esse exemplo. O beijar o anel tem um cunho medieval, uma subserviência (da parte de quem se curva)  que vai contra as suas raizes  franciscanas. Talvez o próximo passo seja retirar a si próprio o título de Santo Padre!

Sim, só depois de feita uma análise a posteriori da personalidade de um papa é que se pode avaliar se foi santo ou não.

Santos que tiveram dúvidas sobre a própria existência de Deus são muitos. Santos que perseguiram cristãos e cometeram crimes de morte também.
Este Papa, honra lhe seja feita, não é um escravo das tradições. Ele quer mudar e mudar para melhor. Louvado seja por isso.

E há tanta coisa que ainda estã mal, ainda há vícios entranhados na comunidade cristã que passam por virtudes...

Será que Marcelo Rebelo de Sousa repetirá este gesto na próxima visita ao Papa?
Já o acusaram de  como chefe de Estado estar a rebaixar a posição do Estado Português perante o Estado do Vaticano... E os críticos lá terão as suas razões.