rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

quinta-feira, outubro 16, 2008

A Razão, a fé e a dúvida... três entidades distintas!

Tenho fé, mas não uma fé cega e irracional. Também tenho dúvidas, fruto de uma razão que é também irmã das entidades anteriores...

Se vivesse no tempo da Inquisição certamente já teria sido queimado na fogueira, lançado às chamas da purificação por algum censor escrupuloso e cheio de zelo .... Mas, apesar de não vivermos no tempo dela, sinto que ela ainda impera nalguns meios e sou devorado pelas chamas da hipocrisia reinante, chamuscando cada vez mais nas labaredas de uma incultura virada para a cultuação do poder, para o culto da personalidade acéfalo e indigente, para o cinzentismo mais embrutecido, para o despudorado sustentáculo da anti-cidadania.

Sou cada vez mais um descrente neste partidocratismo fulanizado neste ou naquele baronete a quem os partidólatras tratam como antigamente os fugitivos do Egipto tratavam o conhecido bezerro dourado!...

Mordomias douradas vão sendo penduradas aos peitos de alguns acólitos, sempre veneradores, sempre genuflectores aos «homens bons» da hora que passa!...

Por isso, e cada vez mais, a Dúvida cresce irreverente e insaciável na minha alma inquieta e jamais submersa no mar morto do quotidiano...

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home