rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

quinta-feira, julho 23, 2009

Operação «mãos limpas»!...

Parabéns Macedo Vieira, és pioneiro na prevenção! olha, aproveita a oportunidade e vê se evitas também o propalar do «vírus-da-demagogia» que costuma proliferar nas campanhas eleitorais!!! Matas dois coelhos de uma cajadada!!!



A tão aguardada «operação mas limpas» já chegou à Póvoa de Varzim!!!

Por iniciativa do próprio presidente da câmara (médico cirurgião...) começou-se esta operação que pretende salvaguardar a saúde pública perante a iminência de uma pandemia.

Não, não é o «vírus da corrupção»(1), é o H1N1, indutor da Gripe A, que faz movimentar os autarcas. Assim, tendo em mente tão nobre desiderato, estão percorrendo as freguesias do concelho alertando toda a gente para o perigo que se avizinha. Toda a gente deve lavar bem as mãos, mesmo depois de um aperto de mão com gente suspeita.

O vírus alastra e tem uma etiologia curiosa: aproveita-se da humidade e de contactos pouco limpos, podendo transmitir-se por toalhas, por copos, objectos como corrimões, puxadores de portas, campainhas. A patogénese é estimulada por ambientes pouco limpos. Até alguns «negócios» (no sentido abrasileirado do termo...) podem gerar a proliferação do vírus... Negócios pouco limpos, como é óbvio!...

O beijo, o aperto de mãos, certas promiscuidades (lato sensu...) são o caldo de cultura ideal para incrementar a pandemia...



Mesmo os padres devem precaver-se. Não, não é ser comissário político dar instruções em consonância com a câmara. É pragmatismo, é amor à causa pública, é sanidade pura, é zelar pelo bem comum.



Quem diria que a pia baptismal pode ser um veículo patogénico?!



Se alguém contaminado com o vírus, lá mergulhar a mão impura, todos os utentes futuros poderão vir a ser contaminados... e a cadeia multiplica-se ad infinitum...



Há já instruções objectivas para serem esvaziadas totalmente as pias de água benta! O vírus é o diabo!!!!

(1) Este parece que já ninguém o combate: ele provoca doença no organismo Estado, mas, pelo contrário, robustece a saúde financeira de outrem... Dizem até que há um cientista que anda a concluír um mestrado sobre uma doença nova: a das «mãozinhas»... visando erradicar definitivamente esta maleita que depaupera os cofres ao erário público.

Marcadores:

4 Comments:

Blogger Mário de Sá Peliteiro said...

Pensei que fosse mesmo o vírus da corrupção...

7:17 AM  
Blogger AFRICA EM POESIA said...

Eu que não acredito muito nesta gripe deixo...um beijinho e...poesia


AMIZADE

A amizade é uma coisa
Que chega e muitas vezes vai...

É difícil ficar...é dificil estar
Mas...olhamos e sabemos...

Sabemos que o amigo
És mesmo tu...

Que esperas por mim
E me levas contigo...

Não me deixas chorar
Pois choras por mim...

Estás sempre alerta
A qualquer hora me acodes...

E em todo o momento
Mesmo que não estejas...

Eu sei que estás...


Lili Laranjo

11:19 AM  
Blogger rouxinol de Bernardim said...

Mário de Sá Peliteiro:

Esta «confusão» é intencionalmente pedagógica!

Há que saber ler nas entrelinhas!

9:52 PM  
Blogger rouxinol de Bernardim said...

Africa em Poesia:

Obrigado pelo seu contributo!

Há quem diga que o «vírus» da poesia também tem muita força!

Sei lá, sei lá!...

9:53 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home