rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

quarta-feira, julho 01, 2009

Caritas in Veritate



To: omet@ossrom.va

__Meu caro rouxinol, lê a nova encíclica «Caritas in Veritate» e começarás a ser mais moderado nas tuas críticas. A corrupção existe em todo o lado. Não penses que vais mudar o mundo. A Madeira, Braga, são locais onde impera um sacro sentimento de tolerância para com essas pequenas prevaricações, esse vícios processuais.

__Mas, Vossa Santidade apoia essas práticas? Sabe que esses prejuízos davam para alimentar milhões de crianças em África ou na Ásia? Maria José Morgado dizia há dias que é o pior «imposto» que existe no país? Achais bem que lá fora se saiba disto? Será que vai fomentar o afluxo de capitais? Será que vai atraír potenciais investidores? Será que é bom para a retoma?

__É claro que não acho, mas que vais tu fazer ? Deu-te algum resultado combateres o presidente da câmara de Vila do Conde? Ele está rico que nem um marajá e tu ficaste na pior, julgas que alguém sabe a verdade? Sei eu, porque li o teu blog mas a maioria nem sequer sabe que existes...

Contenta-te com o céu. Não tenhas a ambição de mudar o mundo. Os que chamas corruptos são tão bons para a Igreja que os seus pecados estão à partida, branqueados. Essas dádivas funcionam e atraem «indulgências». Quanto maiores, mais apoios terão os dadores...Não sejas «calvinista»! Rende-te à evidência! Os corruptos protegidos pela Igreja sairão vencedores, porque eles serão sempre bem-amados. Tu e aqueles como tu não compreendem o alcance das «indulgências!...

Marcadores:

2 Comments:

Blogger Manuel CD Figueiredo said...

Amen!
Quero dizer: gostei e estou de acordo.
Quem sabe se os devotos, e de votos, não cairão no temor das iras divinas? Havia de ser bonito, além de justo.

11:10 AM  
Blogger rouxinol de Bernardim said...

Meu caro.

A máquina captadora de votos serve-se de tudo... alguns até associam o «temor-de-Deus» ao «temor-ao-edil-todo-poderoso»...

Há em muitos lados uma abusiva «sacralização do poder» (à Direita e à Esquerda...) resultante da osmose promíscua entre poder local e clerical...

7:22 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home