rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

quinta-feira, abril 03, 2008

Ora saia uma sondagem, se faz favor!...



A vida tem destas coisas... Às vezes uma sondagem «forjada» faz elevar a cotação do «animal político»... mesmo as nódoas sendo grandes, tudo se lava, tudo se branqueia...
Ele era um perito na arte de se fazer passar pelo que não era de facto.Quando a coisa dava para o torto, recorria à comunicação social: dizia que os jornalistas não o largavam, mas, de facto, era ele que fazia os telefonemas...
Depois, se o bombardeamento mediático não surtia aquele efeito desejado, recorria a uma «sondagem». Escolhia uma empresa «amiga» e lá aparecia a indicação que mais de sessenta por cento estavam com ele. Era assim que levava os «patos», era assim que branqueava a imagem mais suja que pau de galinheiro...
A este estratagema, que já tem barbas, a minha «homenagem»...
Urgia branquear a sua imagem
Manchada por sombrias corrupções;
Que fez?! Encomendou uma sondagem!
Foi caro, mas subiu nas cotações!
A popularidade lá trepou,
Fruto dessa sondagem bem forjada,
Custou um dinheirão, isso custou,
Mas a imagem ficou bem retocada!
Não passa de cosmética banal
As nódoas, lá na alma, permanecem;
Mas, nem tudo ele compra, o vil metal,
A memória das gentes... que não esquecem!...

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home