rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

sábado, maio 24, 2008

Carta aberta ao Sr Possidónio!

Ilmº Senhor Possidónio:

Sei que V. Excelência julga que os impostos são a panaceia capaz de resolver todos os problemas cá do burgo, contudo não é assim. Como sabe, a economia é um sistema de vasos comunicantes. Quando se sobe o preço dos combustíveis, está-se, de facto, a arrecadar receitas. Todavia, esse benefício poderá ser um tiro que sai pela culatra.

Porquê?

Porque ao aumentar os combustíveis está a asfixiar a economia, está a estrangular o desenvolvimento, a expansão, o regular funcionamento das instituições económicas.

O que vai buscar por um lado, pode saír pelo outro: ou seja as empresas, as unidades económicas começam a «derrapar» e é o caos que se instala. Pode surgir a estagflação (neologismo que significa estagnação acompanhado de inflação) e com ela todo um calvário socioeconómico como o desemprego, as falências em cadeia, o chamado efeito de bomerangue...

Creia-me Sr Possidónio, um seu admirador. Apesar das tiradas pouco ortodoxas que tem prodigalizado, ainda acredito na sua capacidade de desenrasque para levar a nau lusa a bom porto. Mas, já ouviu falar de «vitórias pírricas»? Se não ouviu, poderá informar-se e analisar bem o seu caso pois poderá ser o corolário lógico dessa obsessão.

Entre um Sr Possídónio e um general Pirro, o diabo que escolha!...

1 Comments:

Blogger rouxinol de Bernardim said...

Salazar era o «Senhor Possidónio»...

Mas cada vez há mais por estas bandas.

Aumentar o IVA, a idade da reforma, as portagens, os combustíveis, o desemprego, as propinas, etc. é a recita dos «possidónios»...

O país continua cheio de «salazares». Mas o de Santa Comba morreu pobre. Estes, vivem à grande e à francesa... à custa do povo!

3:20 AM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home