rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo. O mundo e a sociedade sob o olhar atento e desassombrado de um cineasta do quotidiano, um iconoclasta moderno, sem peias, sem tabus, sem preconceitos.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

domingo, março 15, 2009

Guimarães e Sporting, triunfadores...

Na Luz um desinspirado Benfica foi subjugado justamente pelo Vitória de Guimarães (0-1) que usou a matreirice e o sentido de oportunidade para afundar o Benfica.

Quique Flores foi ludibriado por Manuel Cajuda de forma inequívoca. Sem apostar no ataque, só com Cardozo emparedado no meio de três centrais, Pablo Aimar jogando o tempo todo mostrando que é a imagem de marca do treinador e nada de positivo trazendo à equipa (apenas uns «bonitinhos» sem eficácia...), com um meio campo pouco acutilante, Quique Flores ainda não se apercebeu que tem de arriscar, e fazê-lo logo de início, não basta no desespero dos últimos minutos.

O Vitória foi coeso e compacto na defesa e usou o contra-ataque com fulgor e dinamismo bastantes para aniquilar o anfitrião. Sem ovos caros Cajuda faz excelentes omoletas. Quique Flores, não tem dentes para as nozes que tem ao seu dispôr...

O Benfica investiu cegamente, em produtos de preço elevado mas ainda não foi capaz de fazer corresponder esse valor no relvado. O treinador é timorato, incapaz de um golpe de asa, de criar efeito surpresa, não foge a um esterótipo criado e sempre repetido. Há que inovar e surpreender os adversários. Há que pôr dois pontas de lança de raiz quando se está a perder. Em vez de susbtituír avançado por avançado deveria ter mexido no sistema táctico. Não o fez e fez mal.

A vitória do Sporting (2-0) sobre o Rio Ave foi demasiado pesada, atendendo à réplica digna e empenhada do visitante. Leão ferido é mais perigoso e difícil de abater.

O Sporting continua com hipóteses de ser campeão muito embora sejam remotas. Contudo, os compromissos europeus do F. C. do Porto (e o desgaste inerente) poderão trazer surpresas...

A procissão está a chegar ao adro...

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home