rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo. O mundo e a sociedade sob o olhar atento e desassombrado de um cineasta do quotidiano, um iconoclasta moderno, sem peias, sem tabus, sem preconceitos.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

quinta-feira, março 13, 2008

Clima de terror!!!

Santana Lopes regressou! vê nuvens de terror no horizonte!!!
O Dr Santana Lopes vê «terror robespierreano» dentro do PSD! Não sou conhecedor da matéria, mas penso que dentro das categorias de terrores este deve estar no topo da lista! Cruzes, canhoto!..
E porquê?
Porque alguns militantes criticam a actuação do líder. Ele, fiel guardião, arreganha a dentuça ameaçadora e prepara as hostes para o combate iminente!
Estratégia de hipervitimização tal qual fez Menezes na campanha que o alçapremou ao topo, para amedrontar as bases timoratas e criar união. «Terror robespierreano», nem mais.
Velhos gritos como «vem aí o lobo», ou «cuidado que os do continente querem roubar a autonomia», aí estão com nova roupagem, nova imagem, para impressionar incautos, amedrontar timoratos, arrebanhar cumplicidades para a cruzada que se avizinha: impôr a lei da rolha no PSD!
Quem verberou na praça pública tudo e todos, com linguagem achincalhante (M Mendes não tinha «estatura», não tinha dimensão, Cavaco era o que era, Barroso era um sulista elitista) vem agora exigir estatuto de vestal imaculada. A intocabilidade, a infalibilidade papal se calhar virá também!...
Pobre pátria esta, que tais abencerragens vai parindo, colocando-as mesmo nos lugares cimeiros para que sejam visíveis e não passem despercebidas. Grotesco, patético, anedótico!
Já lá dizia a minha tia com a sua sabedoria: «os espantalhos devem ser colocados bem alto, para amedrontar os pardais!»...
Ai rouxinol, rouxinol, a falar assim nunca terás um lugar ao sol!...

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home