rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo. O mundo e a sociedade sob o olhar atento e desassombrado de um cineasta do quotidiano, um iconoclasta moderno, sem peias, sem tabus, sem preconceitos.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

domingo, julho 08, 2007


O SUAVE MILAGRE - Conto moderno...
Não acredito em coisas do outro mundo nem em visões. Sou bastante céptico no tocante a aparições.
Lembram-se do chamado "milagre de Moure "(Barcelos) há alguns anos?!
Fui lá e presenciei tudo. Pessoas cantando hinos, rezando como que possuídas por frenesim divinal, como que em estado de êxtase, quase uma histeria colectiva.
Cá fora, no meio de um aglomerado de gente ávida de notícias, um pároco dizia abertamente:
_ Isto é uma prova da existência de Jesus na hóstia consagrada; ultimamente têm surgido assaltos a igrejas e os larápios vão deixando hóstias ao abandono; Cristo quer mostrar assim o Seu descontentamento por tamanha vilania!...
Eu lá consegui entrar, muito embora com dificuldade. Tive que usar a força e a argúcia. A pulso e com alguns encontrões à mistura lá me vi no meio daquele mar de gente (mais comprimida que sardinha enlatada) ávido de comunhão espiritual com o Senhor!
Embora tardiamente, a Igreja reconheceu o logro; era apenas um fenómeno resultante da refracção da luz solar... e nada mais do que isso.
Não era milagre, mas eu, sempre aberto ao sobrenatural, sempre ávido de conhecimento e de fé, continuei atento; a minha alma é e sempre será terreno fértil à espera que lá caia a semente sagrada, chão impregnado de húmus cultural propício ao desabrochar da planta miraculosa...
Estou sempre aguardando o taumaturgo! Oxalá apareça...
Há dias, vendo na TV a filha do Raúl Solnado falar sobre meditação transcendental e contactos com o Senhor (que ela diz manter com regularidade...), não resisti à tentação. Procurei a máxima concentração, num local recolhido do mundo, sem ruídos perturbadores, sem ninguém por perto. Acendi três velas encarnadas e ... esperei. A Bíblia Sagrada ao centro da mesa, lá fui meditando, meditando, meditando...
Já quase fatigado e sem esperança, eis que, vindo lá dos confins do Além, me surgiu na consciência uma figura enorme, com aura, e sorridente... "É o próprio Jesus Cristo!", pensei eu.
Era uma figura esguia, com ar trocista e de... cigarro na boca! Não usava barba ... mas apenas bigode... um bigode retorcido, irónico, diria até mordaz!!!
Devo ter entrado em estado de hipnose ou em transe profundo! A figura sorridente, toda candura e simpatia, falou assim:
__Não, não sou quem tu esperavas, caro Rouxinol. Sou outro, mas venho a mando d'Ele. Sou mensageiro da verdade, sou desmistificador, sou uma espécie de chicote satírico vindo com o propósito sadio de abalar consciências adormecidas, quebrar rotinas, avivar memórias, agitar corações... Sim, sou eu, o teu querido Eça de Queiroz, aquele que tu admiras e cujos ensinamentos procuras instilar no quotidiano como plataforma para um melhor entendimento, como lupa para melhor enxergares a realidade circundante. Cristo pediu para descer até junto de ti e tentar responder às tuas angústias, aos teus anseios mais profundos.
Fiquei perplexo! Como era possível? Eça de Queiroz um descrente, agora enviado como embaixador da Luz, como emissário do Além, como "anjo da guarda" da minha consciência?!
Não, não era possível!!!... Reagi assim:
__Mas... sois vós mesmo, o José Maria Eça de Queiroz? Já agora dizei-me: nascestes em Vila do Conde ou na Póvoa de Varzim?
__Que importa o local onde vi a luz do dia? O mais importante é que fui concebido emViana do Castelo... Aí sim, é que começou a engendra-se esta criatura de Deus... depois de uma tarde bem passada eu fui concebido, em pecado, como se dizia na época. Viana do Castelo é o vero local da minha ligação à existência terrena. Isso é que importa...
Já mais descontraído, ousei perguntar:
__Amigo Eça, que me trazeis de útil, neste momento? Dizei algo que possa ter interesse para toda a gente...
Ele, com tranquilidade, cofiou o bigode, soltou uma golfada de fumo e disparou:
__ Olha, tu moras no norte de Portugal. Há uma coisa nova que deves conhecer. Mais ninguém sabe ainda, mas tu deves começar a aprofundar esta "coisa".
Fiquei perplexo, de novo... Seria algo do género "segredo de Fáima"? Será que vai haver uma nova guerra ou um atentado ao papa? Será a Al Qaeda que se vai instalar em Portugal e fazer das suas?
__ Nada do que pensas__ sossegou-me ele, como que adivinhando o meu pensamento mais íntimo__, tão somente há uma nova sociedade que importa olhar com cuidado, no futuro. Ela reivindica-se de regeneradora da sociedade, tem pretensões a repensar o ordenamento legal vigente, aspira a ser mentora de élites, de ter ascendente sobre clérigos, políticos, cientistas. Intitula-se de "Clube Pensador", mas, de facto, não passa de um covil de víboras mediáticas; não vai além de uma ninhada de ratos palradores e petulantes mas, com apoios incríveis no sub-mundo. Aí é que está o grande mal. O "rosto" pensador encobre uma autêntica alcateia capaz de causar certos danos ao tecido moral, à estrutura legal, procurando bloquear (manipular?) as instituições. Aspira a corromper os pilares da justiça, que, quer se queira quer não, são os alicerces da própria democracia num estado de direito democrático.
__ Não estareis a dramatizar, caro Eça?__ sussurei eu, já mais tranquilo. __ Não será exagero essa preocupação? é que eu, sinceramente, tinha-os na conta de um insignificante "grupo da sueca" (como aquele que rodeou o prof Vieira de Carvalho, da Maia), ou talvez uns "vencidos da vida" a darem-se ares reformadores, sem qualquer capacidade interventiva, sem suporte de credibilidade indispensável ao impacto na opinião pública. Estarei errado?
__É mesmo grave, meu caro__ prosseguiu com ênfase. __ Aquilo são as piranhas de Lúcifer procurando arrebanhar consciências, capturando idiotas úteis que, a pretexto de serem oradores ou "convidados de honra" passam a ser "iniciados", com todos os malefícios da submissão aos seus desígnios ocultos. Aquilo pretende ser uma espécie de "comité central de padrinhos", de feição lusa... subjacente a uma face "pensadora" há uma matriz ocultista e de vocação "mafiosa" que tem um secreto fascínio pelo poder, uma obnubilação doentia pelo mando. Espera pelo "Day after" e verás!
__ "Day after"!__ fiquei de novo abismado. "Será que vai ser lançada uma bomba atómica?" disse eu cá com os meus botões de punho...
__ "Day after" é apenas uma metáfora. Espera pelo dia seguinte às eleições na câmara de Lisboa. O PSD como é natural vai perder. Quem irá colher dividendos dessa derrota? Então esvoaçarão os abutres, soltar-se-ão as piranhas, uma "nova ordem" irá ser criada! A serpente "pensadora" já está in ovo!...
E... de repente, como se se tivesse esgotado o "tempo de satélite", a imagem desapareceu, sem se ter despedido de mim do "suave milagre"..... Fiquei deveras preocupado. Tomei uns apontamentos do que acabara de presenciar para que não se apagasse da memória tão surpreendente contacto de "terceiro grau" e, escrevi História!"... O que aqui fica reproduzido é uma parte muito reduzida do "suave milagre"...

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home