rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

domingo, janeiro 27, 2008

Regenerar Abril!




Há corrupção em altas figuras do Estado?
Saia mais um «rigoroso inquérito!»
Regenerar Abril ! Urgente!
Seara de Abril, tão bela,
Perdeu o viço e o fulgor;
Vejoa-as da minha janela:
Ervas daninhas! Que horror!
Há que te regenerar
Doa lá a quem doer,
Corrupção erradicar
Transparência oferecer!
Abril, doente e sem alma
Pasto de clientelismos...
Ó povo pensa com calma
Não caias nesses abismos!
O passado está de volta
Com seus mitos e fantasmas;
O Estado Novo à solta
Revestido de miasmas!
Caciques já viciados
Em esquemas tão putrefactos
Vorazes vermes alados
Bem pior que carrapatos.
Sanguessugas anafadas,
Corruptos, bem colunáveis,
No povo, sempre montadas:
Vampiros insaciáveis!
Abre os olhos zé povinho!
O regime abastardado,
No abismo vai caindo
E tu , vais sendo arrastado...
Purificar Abril, já!
Regenerar, se assim for,
Construír o amanhã
Ao pão tirar o bolor!
Eles fizeram de Abril
A coutada dos madraços
De arruaceiros covil
Camarilha de palhaços!
Zé povinho, abre a pestana!
O regime apodreceu
Já perdeu a tramontana
Abril... já «anoiteceu»!
Na justiça é o cifrão
A cantar, todo gaiteiro..
Na Saúde? um «apagão»!
Só vê luz... quem tem dinheiro!
E, perante este cenário,
Não há mais tempo a perder:
Regime é suicidário
É reformar ou morrer!!!
Autor: Joteme
Publicado em 14.04.2006 in JN
(Rubrica Desabafe Connosco)




0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home