rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

sábado, janeiro 24, 2009

Diálogo inter-religioso. Verdades & Ficções...


Há dias, ao ler o Jornal de Notícias, tive conhecimento de uma manifestação em que alguns adeptos do Islão exibiam cartazes com os seguintes dizeres:
«Morte à liberdade!»
«O Islão vai dominar o mundo!»
Dentre vários slogans escolhi estes, pois são uma amostragem fiel do pensamento fundamentalista muçulmano. Como é possível viver em diálogo franco e responsável com gente que odeia a liberdade, que é escrava de uma doutrina e quer pôr o mundo inteiro debaixo da mesma ditadura?!
O cardeal patriarca, a propósito de casamento com muçulmanos alertou (e muito bem) para os «sarilhos» que poderiam advir de uma convivência conjugal adentro desta comunidade.
Saíram a terreiro algumas criaturas enxofradas com a «fatwa» (expressão ridícula e ultra-capciosa) que o senhor cardeal estava a incrementar! Ele alertou para os perigos de quem não sabe o que é tolerância, de quem tem o culto da ditadura, olvidando os valores sagrados da liberdade religiosa.
Este fanatismo exacerbado é, de facto, o progenitor de todos os crimes e de todas as violências que por aí abundam. Não é só o casamento que está em causa, é o próprio convívio, é a própria comunhão cívica com gente que não respeita os valores alheios, que odeia o pluralismo.
Há que começar por ensinar-lhes pedagógica e pacientemente o valor da liberdade!

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home