rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

segunda-feira, janeiro 12, 2009

ADIVINHA


Essa criatura mete dó! Nem à vassourada posso correr com ela! Dava-me cabo das vassouras todas...
Cabecinha pensadora
Um génio a insultar
Vai descompôr a senhora
Que tanto quer derrubar...
Cobarde!, não concorreu
Ao combate eleitoral
Como um rato se escondeu
P'ra falar não tem moral.
Julga-se um vero messias
De Portugal redentor
É um caga-profecias
Dos totós um professor.
Vive sempre a mendigar
Em chantagem permanente
Não pára de ameaçar
Em tornar-se... independente!
Farol de clarividência
Julga ser, pobre histrião,
Factotum de pesporrência
Um velhaco charlatão...
Vomita ódio aos cubanos
Mas alguns lhe são servis
Lacaios de alguns sopranos
Mafiosos de raiz!
Disciplina partidária
Exige, com aparato!...
Mas ele, a grande alimária,
Faz dela gato-sapato!
Faz falta uma vassourada
Este é já caso perdido
A criatura chalada
É mesmo um doido varrido!

4 Comments:

Blogger Dimas Maio said...

Caro Rouxinol:

Seu canto não tem rival: canta certo a dizer bem e muito bem a dizer mal. Conclusão: das suas sentenças não há apelo.Não há dúvida que só pode haver agravo, para quem delas tente recurso.

O bicho a que se refere morde, com veneno, mesmo a quem antes e/ou depois bajulou ou bajulará.
E são tantos... e de todos os flancos... Na política não há frontalidade !

11:02 PM  
Blogger rouxinol de Bernardim said...

Meu caro:

O bicho empola o seu canto graças aos media que sempre o tiveram na conta de genialidade!

Mas todos os «Príncipes» terão o seu "canto do cisne"...

1:07 AM  
Blogger Marieke said...

É pá....esta é mesmo difícil....estas a falar de quem?...eu tenho tantas respostas que acho certas...mas tantas....mas tantas....ou achas que há uma mais certa que outras? ahahahhahahahah
Um abraço
Marieke

2:58 AM  
Blogger Dimas Maio said...

Caro Rouxinol:

Volto, só para ressalvar uma excepção: o tal grande sábio grego
que achou, por bem, desprezar o venenoso bicharoco e abandoná-lo aos bajuladores,incontáveis que são(repito) de todos os flancos políticos.
Nota: repare que o termo flancos tem aqui a sua propriedade. Intencionalmente não digo lados.Quero que seja bem visível a sua carga conotativa.
Raios os partam, aos políticos de merda !!!
Desculpe, se estou a conspurcar o seu blog. Mas,este desabafo, tinha de acontecer.

3:52 AM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home