rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

sexta-feira, março 02, 2007

MANUEL BENTO: mãos de ferro, coração de ouro!



Se o tempo levou o Bento,

Sua ampulheta expirou;

Foi um Homem-monumento

Expoente que findou!

Me curvo perante o exemplo

De brio e de abnegação

Mais que um homem foi um templo:

Templo de Fé, Devoção!

Devotado à causa pura

Do futebol-espectáculo,

Rendo-me à sua figura

Do fair-play um receptáculo...

Mãos de ferro, mas de ouro

O coração que o traíu;

Todos perdemos tesouro

Mas no céu... vaga se abriu!...

JOTEME

Nota: Não foi só o universo benfiquista a lamentar a perda; ele era "a nação", ele representava a mística lusa, o ir sempre mais alto, mais além; ele não morreu, pois nós, os que amamos o futebol, o iremos da "lei da morte" libertando!

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home