sexta-feira, novembro 20, 2009

Honra ao «mundo da diferença!»

Aqui está um exemplo paradigmático: uma fábrica que emprega uma grande percentagem de deficientes!

Quando alguns deficientes são ainda desprezados, olhados com sobranceria, marginalizados, alvo de chacota até, eis aqui um exemplo a seguir. A integração no mercado de trabalho de pessoas com deficiência é algo de nobre, digno de meditação profunda. Quando vemos empresas a fechar portas por dá-cá-aquela-palha, lançando para o desemprego centenas de trabalhadores, era bom que se olhasse para este caso com atenção.

Cavaco Silva, honra lhe seja feita, dá, com a sua presença, a homenagem justa e merecida a quem ousou remar contra a maré e venceu!

2 comentários:

Táxi Pluvioso disse...

Bom fim de semana.

rouxinol de Bernardim disse...

Olá Taxi:

Que o sol brilhe, são os meus votos!