rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo. O mundo e a sociedade sob o olhar atento e desassombrado de um cineasta do quotidiano, um iconoclasta moderno, sem peias, sem tabus, sem preconceitos.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

domingo, agosto 27, 2006

A MAGIA DO GOLO!


O golo é pimenta, é sal,
É magia, é frenesim
É cadinho intemporal
É fusão, é fogo, enfim...
É orgasmo centenário
Que apaixona as multidões
É um cântico gregário
Que acelera as pulsações...
Que faz vibrar as gargantas
Galvanizar corações
Soltar palmas, tantas, tantas
Que até parecem trovões!
Por vezes exacerbadas
Extremadas frustrações
Ciclones ou trovoadas
Eclosão de alguns vulcões!
Mas o golo é mesmo isto
Nunca agrada a todos
É um explosivo misto
Bálsamo ou pólvora a rodos...
Para uns... tranquilizante
Para outros... depressão
Que droga mais excitante
Catarse de multidão!
O golo é poção sagrada
É varinha de condão
Num instante, "tudo ou nada!"
Um fartar de extroversão!
Pode ser "Requiem" também
Canto do cisne, final
Morte precoce p'ra quem
Sucumbiu ao vendaval!
Arco do triunfo!, é
Um monumento à vitória
E um passaporte até
P'ra entrar no reino da glória!
O golo sempre será
Lava a jorrar em torrente
Nem todos satisfará
Mas... ninguém fica indiferente!
Rouxinol de Bernardim

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home