rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo. O mundo e a sociedade sob o olhar atento e desassombrado de um cineasta do quotidiano, um iconoclasta moderno, sem peias, sem tabus, sem preconceitos.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

domingo, setembro 04, 2011

Nova constituição: a panaceia!!!

António Barreto quer uma nova constituição e um referendo.
As pessoas querem soluções para os problemas e não areia para os olhos...
Ainda não se fez uma lei a sério contra a corrupção, ainda não se criaram mecanismos para evitar a perpetuação no poder de lideres que se especializaram em gastar, gastar, endividar, endividar... e o respeitável (mas um tanto lírico... A. Barreto) quer uma nova constituição como a panaceia capaz de resolver todos os problemas. Valha-nos Nosso Senhor Jesus Cristo que não tem culpa de termos cá disto!!!

Silva Lopes, esse sim, interrogava-se como era possível A. J. Jardim continuar à frente dos destinos da Madeira e ainda não ter sido criada um lei que o impeça de concorrer!!!
E quem diz Jardim diz outros jardins que andam por aí... Isso sim, é que era prioritário!
Até isso ser feito continuará o Zé Povinho a pagar impostos e mais impostos para sanar as diabruras de Jardim e outros assim...

Os verdadeiros fautores da crise andam por aí, impunes , arrotando postas de pescada, nos jornais, nas TV's, vitimizando-se e culpando entidades completamente alheias...

Na Madeira o povo sofre do síndroma de Estocolmo! E Jardim sabe disso!... por isso, agarra-se à vitimização, grita pelo «lobo do contenente», diz-se vítima disto e daquilo e todos se unem à sua volta... para gáudio dos seus apaniguados que se fartam de mamar à sua custa!!! E paga o Zé Povinho do CONTENENTE!!!

Grande ACTOR este Jardim...

Pobre país que tem gente desta em postos chave, destruindo o esforço inglório de todo um povo carregado de impostos, vítima de excessos de toda a ordem, fustigado por ganâncias de meia dúzia de patos bravos da banca e da finança que estão a levar o país à ruína!



É preciso não um, mas vários 25 de ABRIL: para a Economia, para a Saúde, para a Educação, para a Comunicação, para a Justiça...

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home