rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo. O mundo e a sociedade sob o olhar atento e desassombrado de um cineasta do quotidiano, um iconoclasta moderno, sem peias, sem tabus, sem preconceitos.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

quarta-feira, dezembro 29, 2010

Milagre de Natal





Estes homens uniram-se em prol de um sonho comum: a defesa dos mais desfavorecidos...
Pinto da Costa teve um sonho. Sonhou que era o Barack Obama e estava numa cimeira a discutir a redução dos arsenais nucleares com o seu homólogo russo.A argumentação fluía-lhe natural, espontânea, acutilante. O presidente russo deu-lhe um abraço e até as lágrimas lhe vieram aos olhos.Aquele Barack Obama era irresistível, um predestinado para a política, um justo prémio nobel, pensou ele. De facto, vestindo a pele de Barack Obama, Pinto da Costa (oniricamente falando, claro...) foi rebuscar todo o arsenal argumentativo e retórico de que foi capaz e saíu dali entusiasmado pois a adesão e a empatia foram enormes. O mundo precisava era de paz, de uma economia saudável, de uma mais equitativa distribuição das riquezas, de mais cultura, mais pão e menos ódio...
Acordou a meio do sonho e pareceu-lhe ver ali, na solidão do quarto, as figuras de Luís Filipe Vieira e Eduardo Bettencourt batendo palmas, entusiasmados... propondo um pacto de redução de efectivos em ordem a sanearem as finanças de todos os clubes, dando um exemplo ao país e ao mundo.
Mutatis mutandis propunham a redução drástica dos planteis (vendendo as armas nucleares...) e saneando as contas, sem darem grande importância aos reflexos disso. Seria uma redução equitativa, mantendo o equilíbrio relativo de forças, dando oportunidade aos jogadores de se valorizarem no estrangeiro e abrindo perspectivas para os suplentes...
Era o bom senso a imperar. Era o dealbar de uma nova era no futebol português. Era a austeridade consentida e aceite pacificamente por todos...
Contou o sonho a alguns amigos. Estes passaram palavra. Os presidentes da liga de clubes reuniram-se e deram corpo a todo este projecto pacificador e até tiveram a adesão unânime de todos os candidatos a PR.
Cavaco Silva, eufórico, não deixou de fazer um discurso apologético e disse: «eu sempre previ isto, isto tinha de acontecer, a ruína ameaçava o futebol português, eu já antevia uma situação destas como a única capaz de salvar o futebol nacional; oxalá isto sirva de exemplo para o mundo inteiro!»
Pinto da Costa, comovido, elevou os braços ao céu e disse: «WE CAN! WE CAN!»

4 Comments:

Blogger Secreta said...

Ai a minha vida... lol
Felicidades para 2011.

6:23 AM  
Blogger █► JOTA ENE ◄█ said...

ººº
Ok, BOM-ANO p'ra ti ...

Então brindemos à grande e à francesa...

TXIM-TXIM ► Esta é a minha oferta!!

7:41 AM  
Blogger rouxinol de Bernardim said...

Secreta.

Felicidades para o ano novo e seguintes...

8:51 AM  
Blogger rouxinol de Bernardim said...

jota ene:

Bom Ano e Bons vinhos para comemorar...

8:51 AM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home