quarta-feira, novembro 10, 2010

Presidente do Marítimo agride jornalista...

Aqui está mais uma acha para a fogueira da democracia madeirense. Segundo o DN, foi a murro que o presidente da Marítimo esgrimiu argumentos.
Será que as verdades começam a incomodar?
Há certos clubes que vivem artificialmente à custa do poder político retribuindo com gratidão política. Será este o caso?
Bem, o jornalista era do Notícias da Madeira... que não morre de amores pelo regime jardinista... claro... daí o recurso ao pugilato, à falta de argumentos...
Até quando?!

2 comentários:

Táxi Pluvioso disse...

Uns murros nos jornalistas, além de lhes dar notícias publicáveis, dá-lhes sentido da realidade. E, na Madeira, se não passassem tantas horas nos cafés, e mais no ginásio, saberiam defender-se.

rouxinol de Bernardim disse...

Táxi:

Isso é um apelo à «democracia musculada»?