rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo. O mundo e a sociedade sob o olhar atento e desassombrado de um cineasta do quotidiano, um iconoclasta moderno, sem peias, sem tabus, sem preconceitos.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

quinta-feira, abril 29, 2010

Fui ao Paraíso!... de Alá!




Setenta e duas virgens, lá no céu,
O Corão promete aos suicidas...
Criminoso e aberrante o islão é réu
Espoleta de vulcão liberticida.



Oh vã teocracia que conduz
Ao morticínio atroz, à negação
Da vida. Pobre a fé que mata a Luz
Leva à morte inocentes! que traição!


Setenta e duas virgens, recompensa
Sem lógica, razão, sem qualquer nexo.
Maldito engodo, isco fatal: sexo!


Suicida-bombista vil doença!
És virus criminal. Por isso pensa,
A ti, Alá não dá o seu amplexo!

2 Comments:

Blogger Táxi Pluvioso said...

Setenta e duas? então não são 77? já estou a perder 5. Isto é algo que nunca poderia suceder no cristianismo pois só há uma virgem.

10:00 PM  
Blogger rouxinol de Bernardim said...

Táxi:

Uma vez telefonei para um escritório de uma empresa. Pedi para falar com a menina Virgem.
Disseram-me que não havia nenhuma... ainda hoje desconfio...

5:17 AM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home