rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

quarta-feira, abril 28, 2010

Faleceu Morais, um leão que rugia forte!







Vivia em Vila do Conde onde era muito estimado por todos. Foi a 15 de Maio de 1964 que ao marcar de canto directo um golo monumental (o «cantinho do Morais») deu ao Sporting a vitória sobre o MTK na Taça dos Vencedores das Taças.

Ainda recordo aquela equipa fabulosa com Osvaldo Silva, Mascarenhas, Hilário, Fernando Mendes, Carvalho, José Carlos, Figueiredo, Mário Lino, Pedro Gomes e tantos outros leões de juba vibrante que nos deixaram em estado de graça com a retumbante vitória.

Ao marcar aquele canto, de forma tão eficaz, ele marcou toda uma geração de apaixonados pelo futebol que jamais esquecerão tal proeza.

Os portugueses em geral ( e sportinguistas em especial) estão de luto com o perecimento deste cidadão respeitável que jamais morrerá no imaginário colectivo dos jovens da minha geração.
Uma salva de palmas para um herói. Paz à sua alma.

2 Comments:

Blogger Victor Gil said...

Sem dúvida um grande jogador. Jogador do tempo em que se podiam ver os jogos, misturados com os adeptos adversários.
A minha homenagem (de um benfiquista), que se lembra bem desse jogo apesar de ser rapaz pequeno na altura (11 anos, mais propriamente).
Um abraço
Victor Gil

3:36 AM  
Blogger rouxinol de Bernardim said...

Victor Gil:

gostei do seu comentário.

Sendo benfiquista mostra que ainda não morreu a virtude do fair-play. Neste mundo tão sectário e cheio de clubites e partidarites o seu espírito são é de enaltecer.

Um abraço (de um benfiquista)

rouxinol de Bernardim

4:29 AM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home