segunda-feira, abril 12, 2010

O SOL chegou!


O SOL em todo o seu esplendor!
Chegou, e então abriu os braços
O mar sorriu... risos e abraços
O SOL-BB... libertador!

8 comentários:

poetaeusou . . . disse...

*
raiado olhar !
,
abraço,
,
*

Anônimo disse...

Boa tarde.
Um poema curto mas de uma grandiosidade tamanha.
O sol anuncia vida!!!
Beijokas.

Victor Gil disse...

Pois é amigo.
"O Sol", é tramado. Libertador não será, mas denunciador é concerteza.
Um abraço.
Victor Gil

rouxinol de Bernardim disse...

poetaeusou:

Há sois que são intemporais...

rouxinol de Bernardim disse...

Pérola.

Poemas e PÉROLAS não se medem aos palmos...

rouxinol de Bernardim disse...

Há tantos sóis e tantas luas que por vezes andamos na «lua»... até ver a realidade nua e crua...

Táxi Pluvioso disse...

A BB só brilhou em Portugal, em 1960, ela por cá esteve 9 anos antes, mas era nova e desconhecida, banhou-se na Nazaré e só brilhou para os banhistas.

Sonhadora disse...

Meu amigo
Muito belo o seu poema...adorei.

Beijinhos
Sonhadora