rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo. O mundo e a sociedade sob o olhar atento e desassombrado de um cineasta do quotidiano, um iconoclasta moderno, sem peias, sem tabus, sem preconceitos.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

quinta-feira, dezembro 06, 2007

Homenagem à hombridade.


Após várias etapas ter vencido
Homérico estoicismo foi seu lema;
A todos disse adeus, dever cumprido!,
Da vida fez um hino, um poema!
Neste baile de máscaras da vida
Ele usou sempre a mesma: a verdade!
Lancetou a mentira apodrecida...
Paladino da honra e hombridade.
Sempre jovem no ser e no falar
Lá na alma da alma ... era um escuteiro,
No servir e no dar... sempre o primeiro!
Tive o grato prazer de partilhar
Magistério fecundo e verdadeiro
Humilde e solidário por inteiro!
NOTA: a minha singela e modestíssima homenagem ao padre Fonte (da Matriz da Póvoa de Varzim) com quem tive o privilégio de privar aquando da minha passagem pela Associação de Pais da Escola Dr Flávio Gonçalves (ao tempo em que presidia ao Conselho Directivo a Dra Odete Brioso Gomes - uma integérrima criatura, diga-se em abono da verdade).

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home