rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

sexta-feira, julho 12, 2013

Portugal sem futuro

As pessoas mais responsáveis sabem que estamos num beco sem saída. O afloramento de uma partidocracia sem ética, sem um resquício de sentido de Estado, deram azo ao satus quo actual.
O PR devia ter pensado num governo de salvação nacional sim, mas há muito mais tempo. O PS quer ir para um governo depois de aferir as vantagens que tem capitalizado com o desgaste do actual governo. Não quer subalternidades. quer eleições para contabilizar isso, não lhe importa quanto isso vai custar a todos nós. Pensa no partido, acima de tudo. Esquece que acima do partido há a democracia, há a pátria.
E andamos nisto há anos. Se o PS ganhar as eleições sem maioria absoluta, com quem se vai coligar?
E se ninguém se quiser coligar com ele? Ir para um governo comandado pela troika não é agradável e só provocará desgastes eleitorais...

então, perante isto tudo, que se espera?

Que Cavaco tome ele a inicitaiva de, perante o descalabro e a degradação progressiva do status quo dar corpo a uma necessidade vital: ter um governo.

Terá de nomear gente de capacidade firmada, de honorabilidade a toda a prova, Gente capaz e que não ande a reboque de financeiros corruptos nem maçonarias ardilosas. Gente de alma e coração. Gente que não tenha cangas, nem baias. Gente séria e íntegra.

Receio bem que ele não conheça ninguém com esses predicados. essa gente não anda aí pela comunicação social, não anda nas revistas cor de rosa, não tem tempo nem disposição para aturar TVs e rádios...

Talvez ninguém consiga salvar isto, nem o próprio Jesus Cristo!!!