rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

quinta-feira, julho 04, 2013

«Palhaço» é grosseria, não crime...





Aníbal Cavaco Silva sentiu-se ofendido por ter sido epitetado de «palhaço» por Miguel Sousa Tavares., no exercício do direito de liberdade de expressão.

Agora o DIAP considerou que a expressão era uma grosseria mas não chegava a ser crime...

Vejam-se os processo crime que têm poluído os tribunais por esse país fora em que alguns presidentes de câmara acusam opositores por questões de lana caprina e vão a julgamento e até dão condenações...

Agora, se chamar «palhaço» ao PR não é crime, então o termo vai andar muito em voga por esse país fora... como arma de arremesso.

E pensar eu que um juiz__ talvez com excesso de zelo pelo que agora vejo__ me condenou considerando injuriosas e atentatórias da honra e bom nome do presidente da câmara de Vila do Conde, expressões tão simples e inocentes como estas: «onde pára o dinheiro?», «crimes de lesa economia», «ambiente maquiavélico», «repressão sindical fascizante»...


http://www.dn.pt/politica/interior.aspx?content_id=3302824