rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo. O mundo e a sociedade sob o olhar atento e desassombrado de um cineasta do quotidiano, um iconoclasta moderno, sem peias, sem tabus, sem preconceitos.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

sábado, setembro 23, 2006

ZÉ POVINHO!







Passarinho não inveja
O viver dos passarões...
Democracia deseja
P'ra todos, sem excepções!...


No mar da prosperidade
Há tubarões a nadar...
E a sua voracidade
Os peixinhos vai matar!...


Humilhada e perseguida
Anda a pobre honestidade...
Uma gaivota perdida
Em noite de tempestade!...


A transparência ficou
Atracada junto ao cais...
Ao mar nunca mais zarpou...
Nunca... nunca... nunca mais!...


Num mar de contentamentos
Navegam alguns autarcas...
Até "pescam" apartamentos
Isto ultrapassou as marcas!...


Abre a pestana, Zé Povo!
Quem te avisa é o rouxinol...
Corrupção é isco novo
Usado no... velho anzol!...

Rouxinol de Bernardim

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home