rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

quarta-feira, julho 28, 2010

Venho cumprir a missão a que me propus!...


Sá Carneiro, hoje, se regressasse a Portugal, o que diria?!
Talvez mais ou menos isto:
__Portugueses, tantas vezes disse que acima da social-democracia estava a democracia, tantas vezes disse que acima dos egoísmos corporativos estava a Pátria, a que a minha amiga Natália Correia chamava Mátria, mas esqueceram-se de tudo o que ensinei...
Só me resta dizer aos responsáveis pelo estado a que se chegou que para enriquecerem eles próprios, levaram o país à miséria, ao caos, à degradação total das instituições: justiça, educação, saúde, trabalho, economia... que deixem os lugares que ocupam e vão trabalhar como os demais.
O senhor bispo pede que dêem vinte por cento, para compensarem o mal que fizeram, eu vou mais longe: essas riquezas vadias que nasceram da promiscuidade com o poder (central ou local tanto faz) deviam ser todas confiscadas e os bens distribuídos por toda a comunidade...

6 Comments:

Blogger Rosa dos Ventos said...

Ninguém sabe como seria se tivesse sido de outra maneira!

Abraço

6:04 AM  
Blogger Mariazita said...

Quase me apetece dizer: Isso é que era bom!
Mas pensamentos destes são pura utopia.

Beijinhos

6:06 AM  
Blogger Isa GT said...

Se viesse cá diria isso, se não tivesse morrido tinha sido sabiamente abafado porque não acredito que neste país não haja mais da mesma espécie, mas, estrategicamente, foram sistematicamente sendo afastados de lugares onde poderiam fazer toda a diferença.

12:49 PM  
Blogger Rui da Bica said...

Os Bons e Honestos, incluindo os vários partidos, foram-se todos e ficamos "orfãos" !
Ficou a escumalha ... e democracia assim, não é democracia. Não foi "esta" que me entusiasmou. Hoje estou descrente !
.

11:33 PM  
Blogger sinfonia said...

Pois é, se muitos regressassem ao
número dos vivos, neste nosso Portugal talvez não conseguissem
compreender o que se está a passar...
Obrigada por inserir tais textos
no su blogue.
Bj./Irene

7:16 AM  
Blogger Táxi Pluvioso said...

Não o vejo como esse santo, mas claro depois de mortos, todos são bons, ele, pelo que me lembro da altura, até era mais para o registo ditador e completaria a sua tarefa elegendo Soares Carneiro (aliás algo que os portugueses muito apreciam, foi-se Salazar e o trauma nunca foi superado). bfds

11:16 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home