rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

sábado, julho 17, 2010

Arquitectura do futuro...


Portugal caminha para uma albanização em marchas forçadas. A dívida externa galopa e só para juros os portugueses trabalham grande parte do ano. Se não vendermos anéis para estancar esta taxa de crescimento( da dívida..) galopante, ficaremos sem dedos...
As eleições dão cabo da economia. Casos como Taguspark (a parte visível do icebergue...), godinho-gate e similares, mostram que o Estado está a ser sugado por uma elite. Dizem que o índice de Gini vai baixando e que há melhor distribuição de rendimentos per capita. Talvez caminhemos alegremente para a pauperização colectiva... enquanto essa elite vai engordando de forma escandalosa.
Isto já não é democracia, aproxima-se de clepto... cracia. Ou de pluto... cracia...
Enquanto isso é melhor irmos pensando numa arquitectura mais adequada ao nosso perfil económico-financeiro. Ecológica sim, mas com sustentabilidade reduzida...os ventos da mudança estão aí, imparáveis, castigadores, semeados por Éolos de trazer por casa...
Portugal do futuro... está aí plasmado.A tanga do vestuário, e a tanga da arquitectura resultante da boa gestão da coisa pública...
Em França, Sarkozy fustigado por escândalos de corrupção cada vez mais visíveis a olho nu, grita angustiado:«A França não é um país corrupto
Cavaco disse o mesmo quando terminava o seu segundo mandato e as chamadas «forças de bloqueio»(Tribunal de Contas, Provedor de Justiça, jornais honestos e atentos...) vergastavam a sua conduta delapidando recursos sem procurar fazer as reformas estruturais que o país tanto precisava gerando tão somente novos midas... que mais tarde o elegeriam Presidente da República...E vimos alguns desses midas abanando árvores das patacas de nome BPN, BPP...
Restam-nos estes arbustos e estas casinhas para viver... é este o Portugal do futuro!!!!

Marcadores:

4 Comments:

Blogger Tere said...

meu amigo divida galopante não é só de´portugal.aqui no brasil tambem.trabalhamos muito para pagar imposto rs,tere.

8:36 AM  
Blogger Amor feito Poesia said...

"Amigos são flores plantadas ao longo
do nosso caminho para que saibamos
encontrar primavera o ano todo."

(Letícia Thompson)

Feliz Sábado e beijos na alma...M@ria


Obs:Tem selinho aqui,um carinho prá voce!Leve-o.

10:52 AM  
Blogger rouxinol de Bernardim said...

Tere:

Os «impostores» estão em todo o lado... Esses, que paguem a crise!

8:22 PM  
Blogger rouxinol de Bernardim said...

M@eia.

Bonito poema.
1 beijão. Na alma, claro!

8:23 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home