sábado, janeiro 23, 2010

Escutas serão verídicas?!

Não, não acredito! O «portador de alegrias» não era capaz daquela linguagem torpe, indecente, desbragada! e o tal «barbas» é de uma angelical pureza, de uma rectidão moral, de uma sinceridade tão pungente que... não, não pode ser verdade!!! são criaturas impolutas e acima de qualquer suspeita! Nem de matar moscas...

Aqueles termos de carroceiro não são daqueles sujeitos com imensos predicados!

Sao tudo inventonas da judite!!! Não, não da Judite de Sousa, coitada, ela não inventa nada...

O meu próximo livro? Talvez:«As barbas de molho, do gerente do caixa e do trambiqueiro de Gondomar...»

3 comentários:

Teté disse...

Ná, aquilo é tudo inventado! Nem percebo porque é que anda tanta gente indignada por se quebrar o "segredo de justiça" via Youtube... :)))

rouxinol de Bernardim disse...

A verdade desportiva que se lixe!
As máfias precisam de sobreviver, são elas que mandam neste país desgraçado!
Se essas máfias são polcromáticas não discuto; o que se vê é para ser denunciado. Cada um de nós tem o direito de ser juiz!

Táxi Pluvioso disse...

Eh pah ainda não ouvi essas escutas.