rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

quarta-feira, junho 25, 2014

IRAQUE: cocktail religioso ou petróleo?


Assistimos neste momento a uma operação militar  no Iraque cujos contornos são deveras preocupantes. Antes de mais seria bom que a comunidade internacional  se debruçasse a fundo sobre esta problemática que poderá ter consequências nefastas e sequelas remotas em toda a arquitetura geoestratégica desta região. Curdos, Xiitas e sunitas são uma tríade cuja coexistência pacífica tem sido impossível até hoje. Contudo, seria bom que houvesse esforços conducentes a uma alteração deste status quo, no interesse de todas as partes em conflito e da própria comunidade internacional.

Os States não podem continuar a ser os polícias do universo. Há que criar mediadores credíveis, há que envidar esforços conducentes a uma reaproximação dos interesses em confronto pois o belicismo puro e duro , a guerra pela guerra não resolve o pano de fundo que está subjacente. Além de ser um problema político-militar é também um problema de contornos economicistas atentas as potencialidades petrolíferas daquela área e os apetites que desencadeiam. A guerra pela guerra nada resolve. A mediação internacional seria algo de interessante a ponderar. A Arábia Saudita poderá ser um peão central neste xadrês, um vetor não dispiciendo, pois, além de ter aparentemente boas relações com os USA, também as tem com uma facção beligerante. Oxalá a ONU e a União Europeia saibam analisar com frieza, com lucider e sagacidade este imbróglio que não é somente religioso.