rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo. O mundo e a sociedade sob o olhar atento e desassombrado de um cineasta do quotidiano, um iconoclasta moderno, sem peias, sem tabus, sem preconceitos.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

sexta-feira, maio 31, 2013

Alforrecas, alimento do futuro...


O esgotamento de recursos pode dar origem a novos hábitos alimentares. «A necessidade aguça o engenho» já dizia Camões no seu tempo.
Assim, a FAO, depois de ter recomendado o uso de insetos para alimentação humana, vem agora referir que as alforrecas - existentes em abundância nos nossos mares e sendo até predadores de peixe...- são uma solução alimentar para nós..

Vitor Gaspar, mais dia menos dia, dirá de sua justiça que Portugal deve preparar-se para isto. A crise ameaça tudo e todos. Qualquer dia no Gambrinus (restaurante de luxo alfacinha) lá teremos alforrecas grelhadas, com maionese de formigas, ou grilos assados, baratas ou gafanhotos até... quem sabe.?..


Vem na bíblia que alguns profetas se alimentaram de gafanhotos...Estaremos nós a desperdiçar um recurso alimentar de alto valor calórico?!
Estamos sempre na linha da frente. Porque não?!

«MUDAM-SE OS TEMPOS MUDAM-SE AS VONTADES»... já dizia o épico. Por  que não os hábitos alimentares?

VER AQUI   http://www.dn.pt/inicio/globo/interior.aspx?content_id=3248412

2 Comments:

Blogger Rosa dos Ventos said...

Mudam-se os tempos mudam-se os hábitos alimentares!
Em Portugal há já gente que não come todos os dias!

Abraço

10:10 PM  
Blogger rouxinol de Bernardim said...

Infelizmente é verdade. Os políticos comem-nos até... a alma!

10:43 PM  

Postar um comentário

<< Home