sexta-feira, novembro 11, 2011

Não conheço, mas se ela diz...



5 comentários:

Rosa dos Ventos disse...

Eu também não conheço! :-))

durindana disse...

O juiz brasileiro demorou uma semana para decidir despachar o processo. E por cá?
E quantos recursos pode meter um condenado em primeira instância neste pobre e já pouco orgulhoso país?
Eu vos digo: se for pobre não pode meter nenhum mas se for rico pode meter tantos quantos os que forem necessários até à prescrição.
Entretanto quem faz e adapta as leis em conformidade com os seus interessses, descarrega as culpas para cima da magistratura, que outra coisa não faz que não seja julgar em conformidade com os códigos estabelecidos.
É uma pena! Podíamos ser um povoo feliz.
Entretanto foi-me deferido o requerimento que meti ao governo para o convívio do dia 19. Dada a recomendação de poupança, tive que garantir-lhes que não contrairíamos empréstimos bancários para pagar a conta do repasto.
Até dia 19.
António Mata

rouxinol de Bernardim disse...

Rosa:

Eu não enriqueci... era uma excepção à regra...se calhar um inadaptado ao status quo... penso eu de que...

rouxinol de Bernardim disse...

Já pedi o emprestimo, vou levar o Ferrari e bebe bastante...

© Piedade Araújo Sol disse...

eu cá não sei de nada!

mas se ela o diz.(lol)

boa semana

um beij