rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo. O mundo e a sociedade sob o olhar atento e desassombrado de um cineasta do quotidiano, um iconoclasta moderno, sem peias, sem tabus, sem preconceitos.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

terça-feira, outubro 25, 2011

Corrupção ou cretinice?!

Os ecos da nacionalização do BPN ainda mexem. A União Europeia quer saber respostas. Será que a venda da forma como foi feita configura uma ajuda ao comprador?

Precisamos de tutores pois os nossos governantes são incapazes de, per si, gerirem com prudência e bom senso o nosso património. Ou__ mais grave ainda__ por trás da negociação para a venda do BPN (aos magnatas que dele abusaram anteriormente, ficando cerca de mil e seiscentos milhões a arder...) não haverá a mao invisível da corrupção?

O conceito de risco moral __ que deve ser analisado neste tipo de negócios__ foi acautelado?

Diz o povo e com razão, «cesteiro que faz um cesto faz um cento...», ou seja, neste caso concreto, quem criou um buraco de mil e seiscentos milhões não irá fazer o mesmo ou pior ainda?!

3 Comments:

Blogger Isamar said...

Caro amigo, sinto-me dominada pelo cepticismo em relação a tudo e a todos no que à política e aos políticos concerne. Gostava que me esclarecessem sobre este assunto e outros como se eu fosse muito, muito, burra.

Bem-hajas!

Beijinho

2:32 AM  
Blogger O Guardião said...

Quatro mil milhões de euros depois creio que já é altura de se saber a verdade, e é pena que só por insistência de entidades estrangeiras se possa levantar um pouco o véu desta tramóia.
Cumps

4:19 AM  
Blogger Táxi Pluvioso said...

Quem compra quer barato e em português "vender", significa que quem paga é quem vende e não quem compra.

7:11 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home