rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

quarta-feira, março 31, 2010

INTERROGAÇÃO LÓGICA...


Com tanta mulher bonita por aí por que é uns tarados se lembraram de VIOLAR um tal Segredo de Justiça!!!




segunda-feira, março 29, 2010





ERUDITUS- P2/69
Almoço CARTAXO
O Benfica tem mais encanto na hora de festejar...

domingo, março 28, 2010

Profissão de sucesso!

Nos tempos de crise há quem seja bem sucedido. O Público conta a odisseia de um jovem de nome Marco, Marco d'Aires que em pouco tempo grangeou uma fortuna. Não, não fez como os do BPN e BPP. Ele é um «externo»... assaltava caixas multi-banco e tentou até roubar o carro de um ministro... Enfim, este país está repleto de novas oportunidades...
O clima de permissividade permite estas aventuras. Tem uma empresa de off-shore em Tanger e vive rodeado de mordomias. Um juiz mandou-o para casa com pulseira electrónica e ele cortou-a e devolveu-a com uma carta anexa. Enfim, o Estado a que chegámos!!!
E uma pobre magistrada do ministério público foi acusada de roubar uma gabardina num supermercado, ficando dois anos suspensa da sua actividade!!! Ela esqueceu-se, tão somente! Tal como já tinha acontecido ao antigo secretário-geral do PCP (Carlos Carvalhas) que se esqueceu de mencionar uma tesoura de podar...

Mar português


A Torre de Belém e as ninfas do Tejo sempre foram parte inalienável do imaginário nacional.
Também o Adamastor o foi e ainda é....
MAR PORTUGUÊS
O mar é uma paixão tão fascinante
Uma matriz, um berço cultural;
Simbiose de amor, paixão carnal,
E platónico impulso inebriante!

O mar é nossa herança, nosso império,

Onde se aglutinam sentimentos:

Amor, ódio, prazer e sofrimentos,

Em nós deixou a marca do mistério.

Nessas naus quinhentistas, com coragem,

Fomos dando ao saber nova roupagem;

Desvendámos ignotos universos.

E se o mar devorou nessa voragem

Alguns heróis, em mares tão dispersos,

Deixou viver Camões: a Pátria ... em versos!

sábado, março 27, 2010

Fundo monetário europeu - FME

Vários afloramentos vão surgindo, aqui e ali, no sentido de a Europa criar um Fundo capaz de salvaguardar situações melindrosas e capazes de porem em xeque o equilíbrio na Zona Euro.
Por que não? Situações como a da Grécia (e talvez Portugal e Irlanda) assumem contornos preocupantes. Medidas correctoras, drásticas, e com custos sociais preocupantes, poderão não ser suficientes se não houver um quadro fiduciário capaz de amortecer choques abruptos. A Europa deve começar a actuar de forma global e concertada para melhor enfrentar a globalização.
E por que não um Exército Europeu?
Seria uma medida capaz de harmonizar e homogeneizar potencialidades bélicas. Poderíamos vender os submarinos pois os ingleses são o supra-sumo nesse domínio. Um exército pago pela Europa e actuando em perfeita sintonia seria o ideal.
E por que não a criação de reservas energéticas em ordem a se criar uma plataforma defensiva face a explosões de preços nos mercados?

Jean Moulin estaria de acordo com isto, certamente. Precisamos cada vez mais de uma Europa unida, falando e actuando a UMA SÓ VOZ. Que as sinergias conseguidas com esta actuação possam ser um farol para futuras realizações. Um embrião capaz de potenciar mais eficácia, mais pragmatismo, mais EUROPA.

Marcadores:

Eleições no PSD

Será este, o tal «bem-parecido» que causava tantas preocupações à Dra Manuela?
Quem vê caras não vê corações... por vezes, preocupações!



Mas onde é que eu já ouvi isto?!

quinta-feira, março 25, 2010

VATICANO acusado de ocultar abusos...

O próprio cardeal Ratzinger, hoje papa Bento XVI está sob fogo cerrado. Então apesar de saber de um abuso a crianças fragilizadas, mais de 200 surdas, nada fez, pactuando e encobrindo tal vergonha?
Ver aqui.

Lamentavelmente ainda há quem considere estas denúncias como «maquinação contra a Igreja»
A ocultação por motivos de «não cometer erros» tem sido o MAIOR ERRO da IC e dos seus principais responsáveis!!!

E há gente «MUITO IMPORTANTE» que acha bem que se esconda esta vergonha, permitindo, com a sua cobertura, a continuação deste estado de coisas!!!

A sabedoria popular classifica este comportamento de «fazer o mal e a caramunha»!
Na Alemanha há já quem fale na «demissão do Papa



PEDOFILIA ABJECTA
Pandemia execrável, degradante,
Dantesca, miserável, sem perdão;
Demência tão obscena, perversão,
Que ataca gente vil... mas importante...

Nossa Senhora da Guia



Nossa Senhora da Guia
Que o rio Ave guiais
Muitas vitórias queria
Que ficassem nos anais.
O verde é a cor da esp'rança
Foco da nossa alegria
O mar é todo bonança
Nossa Senhora da Guia.
O rio Ave é querer
Indomável, eu diria;
Ajudai-nos a vencer
Nossa Senhora da Guia.
Nossa Senhora da guia
Que indicais o rumo certo
O rio Ave é magia
Engole o dragão... decerto!!!

quarta-feira, março 24, 2010

Limpar Portugal!


Descobriram ouro e moedas na operação «Limpar Portugal»!
Nota à margem: no sábado passado, dia do «Limpar Portugal», não pude dar o meu contributo, até porque é dia de intenso trabalho para mim. Contudo, ainda ontem, queimei perto de meia tonelada de resíduos sólidos que ninguém viu...
Enfim, o folclore, o protagonismo de alguns, procurando dar nas vistas...
«Limpar Portugal» é todos os dias, em todas as circunstâncias, até não sujando Portugal...

terça-feira, março 23, 2010

CARAVELA-PORTUGAL




Será que queremos os piratas e quem os protege?
Ou um timoneiro com mãos limpas e um rosto tisnado pelos ventos da coragem e da solidariedade?
Dizem que o povo é burro. Que tem aversão à mudança. Que não muda!!!
Ser eternamente burro será moléstia do povo português? Creio que não!!!
Fernado Nobre também acredita!










Portugal, caravela milenar,
Fustigada p'lo vento-corrupção
Neste mar de injustiças vai penar
Até singrar ao rumo-redenção.



Marinheiros-piratas sem vergonha
Pilhando tudo e todos sem pudor,
Precisamos de alguém que a todos ponha
A trabalhar com honra e pundonor.



Fraca gente com fraco timoneiro,
À deriva, no mar, sem rumo certo
Triste sorte vai ter, o fim 'stá perto.


Português, ó valente marinheiro,
Há que afastar piratas do veleiro
Desterrá-los p'ra longe! P'ró deserto!

Marcadores:

Poder judicial independente? Coisas de líricos...

Vem hoje, no JN, um candidato ao Conselho Superior da Magistratura (juiz conselheiro Orlando Afonso) dizer o que pensa, de forma frontal e desinibida. As vozes que murmuram a falta de independência do poder judicial - face a processos em que uns são tratados como filhos e outros como enteados... - podem identificar-se com ele. De facto, dada a conjuntura e as múltiplas dependências, logo à nascença, alguns não passam de meras «correias de transmissão». Mesmo não recebendo ordens estão de tal forma condicionados que se sabe de antemão o teor das suas votações.

Enfim, as clubites, as partidarites a minarem a justiça... A República num estertor preocupante!
A democracia em estado comatoso!
A justiça, pilar fundamental do Estado de Direito, logo à partida sem imparcialidade, sem isenção. Sentimos que é a verdade mais pura. Que as consequências saltam a olho nu. Que certas entidades não passam de meros factotum de quem tem outros poderes...

O apoio implacável!!!

__ Com o meu apoio e o de toda a Madeira, Paulo Rangel vai ser presidente do PSD e primeiro-ministro!...
Rangel, ao saber da nova, comentou:
_Com amigos destes a derrota é certa... Que mal fiz eu a Deus para merecer isto?!!! É lapa agarrada à rocha e quando vislumbra outra hipotética rocha, lá vai outra vez, eterna lapa...
Será que as lapas e as carraças... Deus me livre delas...

segunda-feira, março 22, 2010

DEGRADANTE!

Os actos que precederam o jogo para a final da Taça da Liga no Algarve, entre F. C. do Porto e Benfica deram uma imagem deplorável do nosso fair play e do civismo de alguns adeptos. Desporto, escola de virtudes, foi chão que deu uvas. Agora não passa de um sucedâneo de guerra, com agressividades estultas, furiosos querendo ostentar coragem, num espectáculo vandalesco.

Lançar pedras para autocarros, lançar cadeiras, petardos, very lights e outros objectos para o interior do relvado é no mínimo uma vergonha! Acoitados na multidão os cobardes julgam-se sansões...

O espectáculo em si também não foi famoso. Há atletas que se exibem agredindo pelas costas, usando os braços de forma sistemática, sem serem punidos devidamente. Há imagens que deveriam servir para punir os infractores, já que o árbitro não viu tudo.

Nem refiro o resultado que é mais um para juntar ao rol estatístico, mais um caneco a ser depositado num museu. O espectáculo, esse sim, foi animalesco, selvagem.

Quando queremos fomentar o turismo, captar investimento estrangeiro, estas cenas são deploráveis e a todos os títulos indignas de um povo que já deu lições ao mundo. O Algarve já de si tão fustigado por assaltos, actos de vandalismo, terrorismo larvar, foi vítima de cenas lamentáveis que, em vez de terem um efeito de atracção turística, são, ao invés, factores de repulsão!

Sede indefinível...


Glorifiquei-te no eterno,
Eterno dentro de mim,
fora de mim perecível.
Para que desses um sentido
a uma sede indefinível.
Para que desses um nome
à exactidão do instante
do fruto que cai na terra
sempre perpendicular
à humidade onde fica.
E o que acontece durante
na rapidez da descida
é a explicação da vida.
Natália Correia in Livro dos Amantes

Marcadores:

domingo, março 21, 2010

O POETA CORTESÃO...

POETA OFICIAL, O BOBO DA CORTE...



Garimpeiros vão usando
Sem rebuço, sem pudor
A mina-Estado, pensando
Ser ouro o seu senhor!

Já temem a transparência
Só pensam na impunidade
Arrotam vil sapiência
Cultivam a opacidade!


Corrompidos, corruptores,
Usam a reles censura,
Calam denunciadores
Aos servos, dão sinecura.


Patrocinam cortesãos
Aduladores rasteiros
Peritos no beija-mão
À procura de poleiros.


O país vai-se afundando
Só tem corruptos à perna
Que lá se vão governando
À custa de quem governa!

Marcadores:

sábado, março 20, 2010

Entrevista com a D. Campanha Negra!






















__Sim, é ela, a D. Campanha Negra. Não, não é fruto da minha imaginação delirante. Ela existe mesmo!
Anda a dizer mal de mim, a caluniar-me, insultar-me, a perseguir-me!...






__Não acreditem neste tipo. Ele é que me persegue, me enxovalha, me calunia. Tem a fobia à verdade, por isso teme a ida à AR...












Ela anda aí nas bocas do mundo. Responsável por calúnias, insultos maledicências. É acusada por várias entidades. Com fundamento ou não, não se sabe. Ela tem direito a defender-se. E dizer de sua justiça. O contraditório respeita-se aqui neste blogue democrático e supra-partidário.


RB_ Então D. Campanha Negra, sempre é verdade que a Senhora é maledicente, insultuosa, gosta de rebaixar os outros sem ter escrúpulos nem decência?!

C.N.__ Rouxinol, és a primeira pessoa a dar-me oportunidade de defesa. Jamais esquecerei issso. De facto estou a ser caluniada e vilipendiada de forma execrável. Eu sou a verdade nua e crua, eu quero aprofundar a democracia, quero saber tudo, quero a transparência total! É pecado?

RB_ Julgo que não, dentro de certos limites. Dizem que V. Exa anda a denegrir a Igreja por causa da pedofilia que há (ou alegadamente dizem que há) em certos paises...

CN__ Quem anda a denegrir a imagem da Igreja não sou eu. São precisamente esses padres que fizeram esses actos e as cúpulas das hierarquias que os encobriram... e não digo mais.

RB__Minha senhora, o Engº José Sócrates vem hoje no JN(clicar aqui...) dizer que está a ser vítima da senhora. Que a senhora o quer atacar a pretexto de o ouvir na AR. Ele diz que já
está tudo esclarecido e agora que só querem é atacá-lo... Será?!

CN__ Esse senhor, ao atacar-me na minha honra e bom nome, faz o mal e a caramunha. Fala em ataques pessoais e ataca-me no meu carácter, na minha honra e no meu bom nome. Se há muita gente que ainda não está esclarecida, a culpa é minha? Se ele ainda não esclareceu o que devia esclarecer e não o fez, sabe-se lá porquê, eu é que tenho a culpa? Ele até devia agradecer o facto de o estarem a ouvir na AR, no templo da democracia, pois é uma oportunidade soberana para defender a sua honra. Então ele teme ser ouvido? Ele teme o esclarecimento? Eu julguei que quem nada de mal fez, não deve ter problemas em responder...

RB__ Mas o que é que ele deve esclarecer e ainda não fez?!

CN__ Olhe senhor rouxinol, você parece que anda a leste da realidade. Então ele ainda não desmentiu aquela conversa no hotel em que dizia que era preciso correr com um tal Crespo, depois de já ter conseguido eliminar outros... De duas uma: ou é verdade e ele deve assumir a responsabilidade do que disse, indo até às últimas consequências, ou seja pedindo a demissão do cargo, ou é mentira e deve processar os que o difamaram ou caluniaram. Perante o povo português, embora ele diga que é insulto e calúnia, não me parece que assim seja.

RB__Mas então ele teria de processar Portugal inteiro... todos lhe chamam mentiroso! Não sei se hei-de acreditar em si, D. Campanha Negra!

CN__Não quero que acreditem em mim. Espero que cada qual faça o seu juízo de valor. Leiam o conteúdo das «Escutas» e façam conclusões lógicas. Não peço mais nada. Depois, dizer que a ida à AR é para o atacarem é um argumento de vitimização, pois também o pode ser para se defender das tais «calúnias», ou será que ele não se quer defender, quer apenas dizer que está a ser vítima de calúnias? A vitimização, de tanto usada e abusada, começa a ter semelhanças com a estória do «lobo e do menino mentiroso ...», que deu no que deu...

sexta-feira, março 19, 2010

A Lista de Godinho!!! Filme com direito a «Oscar»...


E porque não? Se a «Lista de Schindler mereceu a atenção do mundo inteiro, por que não a «Lista de Godinho» merecer a adesão das plateias?!
«O que é nacional é bom» , ou não será?!
O filme relata a saga de um homem generoso que punha a sua generosidade ao serviço do bem comum. É óbvio que o termo «comum» tem um âmbito bastante restrito (era apenas a sua pessoa e os seus familiares). De facto, ele prodigalizava presentes sobretudo no Natal, a entidades que poderiam mais tarde trazer-lhe contrapartidas nos negócios. Ou seja, prendas a dobrar ou centuplicar, conforme os dotes e a magnanimidade (ou ausência des escrúpulos!)dos contemplados.
Veja-se que José Sócrates não era o melhor prendado (tinha só três A); um tal Penedos tinha uma cotação muito melhor (quatro A). Ele sabia premiar e não ia atrás de cargos ou de hierarquias. Ou melhor, hirarquizava os prendados de acordo com o «retorno»...
Vale a pena ler o SOL de hoje!
O país inteiro rirá a bandeiras despregadas! Sócrates, esse, dirá que é mais um «assassinato de carácter»! E tem fundadas razões para tal. Ele não tem culpa de ter sido ultrapassado por Penedos... mas que não fica bem, não fica!...

Marcadores:

quinta-feira, março 18, 2010

O FIM DO MUNDO!


Oração do Papa
Meu Deus! Há tanto padre pecador
Tanta devassidão, iniquidade!
Que fazer p'ra acabar com este horror
Que envergonha e repugna a humanidade?!





«O fim do mundo está próximo! Vou aumentar o ritmo dos terramotos e a Terra vai sofrer uma metamorfose. Vou colocar outra criatura no lugar do homem: mais sensata, menos predadora, mais ciente do seu papel de inquilino do planeta! Nomeio-te Presidente da Comissão Liquidatária do Planeta Terra!»

Marcadores:

quarta-feira, março 17, 2010

MON PETIT PRINCE!


«La Salope», on dit, je sais.
L'amour? Une pêle-mèle...
Moi, chienne? Non, jamais!
Mais, tu sais, toujours fidèle!
La pluralité, c'est bon,
L'arbre du plaisir, tu sais,
C'est comme dit la chanson:
«Le futur, Dieu connait !»
La liberté c'est un mot
Bon pour saints et pour pécheurs;
Pour aimer, toujours, il faut
La liberté et... l'honneur!
Mon Prince, mon petit Prince,
Est très grand dans son amour
Il me donne confiance
C'est um géant, je l'assure!!!

Marcadores:

DIGNO DE MEDITAÇÃO PROFUNDA

FOME & FARTURA!!!!

Santo Deus!Deus nos livre desta praga!!!

domingo, março 14, 2010

A PARTE E O TODO...

Não é justo condenar todos os padres pelo facto de a Igreja Católica estar a ser acusada de acobertar centenas de casos de pedofilia envolvendo padres.

Mas que é preocupante isso é. Meter a cabeça na areia e não enfrentar a realidade é mau.
Era tempo de se tomarem medidas corajosas.
Por que não o fim do celibato?!
Não sei se a homossexualidade é doença (há quem diga que sim...), só sei que a pedofilia, além de crime monstruoso, é uma patologia aberrante que deve ser censurada sem dó nem piedade.
Os recentes casos vindos a lume (ver JN) mostram que urge tomar medidas. Nas cúpulas. No topo da hierarquia.

Cada vez há menos padres. Os que existem vão-se sacrificando até aos limites do humanamente exigível. Os casos de doença mental culminando no suicídio são cada vez mais comuns. A pressão é um fardo cada vez mais pesado para padres já de avançada idade, com saúde precária, com dificuldades de toda a ordem.

Era tempo de os bispos portugueses que sempre foram líderes desde os tempos remotos, contribuindo para a abolição da escravatura, para a erradicação da miséria (moral e física), para o aprofundamento da prática religiosa mais conforme a uma cidadania atenta e fecunda, tomarem uma posição. Era hora de mostrar que Portugal ainda tem gente que pensa. Que ousa caminhar à frente, que sabe estar nas trincheiras da transparência e da verdade.
Assim seja. Deus o queira.

NOVO RUMO: O.E. APROVADO

A aprovação do OE para 2010 foi um sinal positivo. Os mercados, as agências de notação financeira e a comunidade internacional, lato sensu, olhar-nos-ão de forma mais positiva.

Independentemente das eventuais críticas (que as há sempre) há que saudar o facto de ter sido aprovado.

Oxalá o PEC seja também um instrumento de progresso e de fiabilidade dando garantias de tranquilidade a todos os agentes económicos.

A instabilidade resultante de inquéritos e mais inquéritos bem precisava deste sinal. E ainda bem.

sexta-feira, março 12, 2010

Professor suicida-se. Vítima de bullying...

Era professor em Sintra. Os enxovalhos constantes, a onda de insultos era imparável, um autêntico tsunami. Conta hoje o Público.

O país está doente. Moribundo. Os maus exemplos vieram de cima. E alastraram, qual pandemia...

O Dr Fernando Nobre diz que os políticos (governantes) devem sujeitar-se a exames.

As prostitutas também, digo-o eu.
As fraldas devem mudar-se com frequência nas crianças. Há que mudar as fraldas
também aos políticos... a promiscuidade sente-se, cheira-se, mede-se...

Dizem alguns psicólogos que a razão de tanta emigração em Portugal é o facto de sentirem que não podem mudar o país, daí mudarem de país. Será?!

Greves e «boys»...

«As greves são coisa do século passado...»
.
A greve é uma arma dos trabalhadores. Só deve ser usada em último recurso. Mas é um direito indeclinável. Pelo menos na vigencia da actual constituição.
Vir agora, alguém, dizer que a greve é coisa do passado, numa tentativa intimidatória, num braço de ferro ridículo e pouco consentâneo com o contexto democrático em curso, é caso para meditar.
Fernando Pinto é um provocador. Gosta de usar a comunicação social para exibir «capacidades, «talentos», «fanfarronadas»...
Como cidadão, como português ciente dos meus direitros sei que a greve ainda não foi abolida. A greve é um último recurso. Não se deve abusar dela. Mas ninguém tem o direito de afirmar que ela já deixou de existir!
Fernando Pinto é um ditadorzinho prenhe de presunção e água benta, protegido pelo governo, cheio de salamaleques a Sócrates e seus acólitos e julga-se acima de tudo e de todos.
A anunciada greve na TAP é culpa sua. Não é capaz de dialogar, não tem flexibilidade, não tem carisma pois sabe que é uma nulidade em termos de gestão de recursos humanos. Procura dividir para reinar. Procura o aparato, a presunção, o afrontamento estulto e desnecessário, quando, se adoptasse outra postura, mais humana, mais clarividente, não teria os afrontamentos que tem tido.
Mandar frequentar cursos de ética a quem usa as novas tecnologias (v,g. Face book) e faz comentarios livres sobre determinadas matérias é de uma petulância e de uma cretinice sem paralelo.
Já viram se ele no Brasil mandasse frequentar um curso de direitos humanos ao Lula da Silva depois de ter dito o que disse sobre a greve de fome do dissidente cubano?
Fernando Pinto cruza os braços porque sabe com quem conta. O governo está de cócoras perante ele. Não digo o porquê porque seria mais um escândalo nacional!
Mas o país saberá na devida altura!

quarta-feira, março 10, 2010

Focos de insanidade...




Morais Sarmento: «Cavaco tem mau hálito político!»
Jardim: «Este é mais um napoleão do PSD!»
O país ensandeceu. Há exemplares para todos os gostos. A deriva patológica assentou arraiais. É o delírio mais desbragado. Gente tida por sensata e comedida atinge o paroxismo mais alucinante. O povo olha e nem acredita! a saúde mental dos nossos políticos está a um nível arqui-patológico! Abaixo da sargeta...
Agora, na AR, Henrique Granadeiro vem dizer (só agora, já pecou por tardia...) que o então ministro Morais Sarmento quis que ele demitisse Leite Pereira, do JN, Joaquim Vieira, da Grande Reportagem e Pedro Tadeu (então director do «24 Horas»). Por isso demitiu-se...
Deveria ter dito isso logo no momento. Agora peca pela demora. O visado nega. O país ri.
Cavaco Silva não ri, porque o ex-ministro Sarmento o acusa de ter «mau hálito político»(sic).
O país nem sabe em quem acreditar. O nível dos nossos homens públicos está abaixo da peixeirada! Há tantas peixeiras com muito mais educação, mais nível, mais civilidade, mais aprumo!
Julgo que algumas dariam boas deputadas ou mesmo ministras! é questão de lhes dar uma oportunidade!
Nota final: um amigo meu, psicanalista, diz que alguns políticos sofrem da «síndrome de rilhafoles»... Será?!

SAÚDE MENTAL








A loucura instalou-se para ficar. Está a todos os níveis. Políticos, jornalistas, dirigentes desportivos, empresários. Ninguém pode ficar indiferente. Quando uma criança desiste de viver por se tornar insuportável o ambiente escolar, onde seria suposto haver segurança, tranquilidade de espírito, paz, é o caos. O país está infectado e contaminado, basta ouvir e ver. Os telejornais dão conta disso tudo. Não podemos ficar indiferentes.
Um presidente de governo regional diz que os membros da Assembleia Regional (a maioria do seu próprio partido!) são um «bando de loucos», o que dizer mais sobre tão patológico país?
Quando o próprio presidente da República, o garante do regular funcionamento das instituições, ouve e cala (consente?), haverá quem conteste que o país ensandeceu de todo!
Quando um presidente de câmara (também presidente da ANMP) manda a populaça correr à pedrada os técnicos do ministério do ambiente que vão para lá trabalhar, que dizer?!
«Loucos varridos» à solta, em lugares de destaque, fazendo mil-e-uma malfeitorias sem que ninguém lhes tolha o passo. Autênticos inimputáveis, vivendo com o rendimento de reinserção e andam a roubar pelo país fora. Dão-se fortunas para obter um apoio eleitoral, a título de «compra da imagem», como se fosse a coisa mais natural do mundo. À custa de dinheiros directa ou indirectamente públicos. Só com o abjecto desiderato de ganhar eleições!
É assim que este país sai da fossa? É assim que se controla o défice?
Alguns esquecem que foram eleitos para governar e não, para ganhar de novo eleições...
O povo, o eterno burro de carga, há-de pagar as favas... pensam eles...
O país está doente. Não é só a economia, a justiça, a saúde, a educação, é a própria saúde mental que está em causa. Acuso dessa doença as mais altas figuras do Estado a que chegámos!!! e tenho provas!!!
Vem, Fernando Nobre, tira mais uma especialidade, que se faz tarde!!!
Terceiro mundo, aqui? Não, direi que é quarto ou quinto!...
PORTUGAL, QUE FUTURO?
Nesta feira, qual bordel,
Vende-se a alma e a imagem
Prostitutas sem cartel
No reino da... sacanagem...
«Bem» e «Mal» ao -deus-dará
Num abraço interesseiro
Moral? Fugiu!, não 'stá cá,
Ninguém sabe o paradeiro.
Pobre país já sem norte
Ao desbarato vendido,
Loucos varridos, má sorte,
Portugal anda perdido!

Marcadores:

terça-feira, março 09, 2010

Dia internacional da mulher


domingo, março 07, 2010

Vaticano: novo escandalo sexual...

Segundo relata o JN, um novo escandalo abala o Vaticano. Um colaborador directo do Papa apanhado pela polícia a contratar homens para fins sexuais. Um era do próprio coro do Vaticano!
A música continua! Angelo Balducci de seu nome, era assessor de Bento XVI e mais ainda: Cavalheiro de Sua Santidade!

Marcadores:

Há contaminação política na justiça?!

«Já estou farto de ouvir falar no «Face Oculta». Porque não convida a Carla Bruni a vir a Portugal?! Falariam de outras coisas: vestidos, seios, pernas...» «Eu? contaminada? Não, que ideia! a vida está difícil, um incentivo faz falta. Quem diz incentivo diz estímulo, diz acicate, pode dizer bónus... são tudo formas de sedução, de charme, de glamour...»



Será que o vírus da promiscuidade está atacando?
Qual a sintomatologia?
Que medidas tomar?
Como erradicar o virus?
Atingirá o nível da pandemia?
A pergunta é lógica! O PGR inquire o secretário de estado da justiça.

Em tempos não muito longínquos, Saldanha Sanches disse que o poder local capturava a justiça.
Será que capturar e contaminar são sinónimos?
Conclusão: Tudo o que sei é que nada sei!
Enfim, o país ouve falar de «stickadas» e fica perplexo! Cavaco, o homem do «stick», tem-no em «banho-maria»...

Em tempos (já remotos) o actual Presidente do STJ (quando era presidente do sindicato dos magistrados do MP) afirmava haver promiscuidade entre o poder local e certo poder judicial...


Nota final: É preciso limpar o país! dar uma stickada nestes contaminados todos, estejam onde estiverem!... O QUE FAZ FALTA É DAR UM STICK À MALTA!
Ou será que vencerá o slogan: O país vai a pique, continuando os mesmos com o STICK!!!

Marcadores:

sexta-feira, março 05, 2010

Bullying, criminalidade na escola?

É triste, é lamentável, é um sintoma da doença que ataca Portugal: a demissão da justiça, da autoridade.
O suicídio de uma criança por causa de bullying (neologismo que incorpora violência despropositada...) numa escola. O fenómeno tem-se acentuado nos últimos anos mas já vem de longe. Há na sociedade o culto da violência, da lei da força por oposição à força da lei.
Quando um presidente da ANMP mandou atirar pedras a técnicos do ministério do ambiente, por quererem ser escrupulosos, quando vemos as claques desportivas a fazerem espectáculos degradantes tentando intimidar adversários (até nos túneis há esse fenómeno intimidatório...), quando vemos alguns políticos rodeados de marginais como seguranças, que pensar deste país?!
Nas escolas o crime alastra. Professores, vítimas acossadas pelo medo, lavam as mãos e deixam passar... enfim, nova versão do velho «laissez faire, laissez passer!», que também não deu bons frutos na economia...
A justiça lava as mãos e pelo seu laxismo permite a lei do arbítrio, da violência, da perseguiçao atrabiliária a quem não capitula, não abdica , não verga ao status quo.

Fui presidente de uma associação de pais, na escola Flávio Gonçalves na Póvoa de Varzim. Um pai foi, acompanhado do filho, fazer queixa de violência sistemática exercida por colegas mais velhos. Contou-me os pormenores. Expôs o assunto a uma professora do conselho duirectivo (que não a Presidente Dra Odete Brioso Gomes). Limitou-se a um encolher de ombros dizendo que as quezílias eram normais, as crianças não podiam ser colocadas em redomas... era a lei da vida!

O pai ficou indignado com esta postura permissiva. «Disse-me que o meu filho era um queixinhas!» bradava-me ele encolerizado com tal comportamento permissivo e contemporizador. Tentei falar com a tal professora, muito generosa de carnes mas subnutridsa em termos educativos. Atirou-me com esta: «Sabe quem é o pai dele? É aquele gajo do CDS, um dos gerentes da Fripóvoa!»

Fiquei abismado! como era possível que o ódio (político) ao pai , fosse extrapolado para permitir ofensas ao filho!!!

Falei com a presidente. Esta insurgiu-se contra a colega. Chamou os prevaricadores. Na minha presença admitiu que os expulsaria se voltassem ao mesmo comportamento. Advertiu a própria colega pelo tom desculpabilizante adoptado.

Nesta escola na Póvoa de Varzim a própria PSP teve de ser chamada muitas vezes por causa de roubos e de violências provocadas por rapazes mais velhos, vivendo nas proximidades, e actuando com navalhas e objectos contundentes procurando intimidar os alunos mais novos.
Enfim, as escolas actualmente são um caldo de cultura onde viceja o vírus da violência, onde a impunidade parece andar de mãos dadas com o laxismo dos professores e entidades de supervisão (funcionários, agentes da autoridade).

Pobre país onde ate as próprias universidades são autênticas escolas de criminalidade... Nem cito nomes pois todos as conhecem...

quinta-feira, março 04, 2010

Os três candidatos do PSD

Dentre os três candidatos à liderança do PSD, Pedro Passos Coelho tem subido de cotação de forma segura e firme. Disse algumas verdades sobre a forma de lidar com Jardim (não o sabujismo e a subserviência de outrora...), tem um mandatário que conhece os cantos à casa (o autarca da ANM - Ruas), tem optado por frontalidade e determinação na resolução dos problemas concretos do país, alardeando um profundo conhecimento e uma sensibilidade a que não é alheia a sua formação académica (economista).

Aguiar Branco teve um apoio de peso (Rui Rio), mas não tem manifestado grandes inovações nem posições de ruptura com o status quo ante. Não tem perfil de galvanizador de massas, não cria impactos nem toma posições abertas sobre os temas mais candentes.

Paulo Rangel desceu uns furos ao nomear para cargo de relevo pessoa com elevado défice democrático, ostentando uma miopia cultural acentuada. É uma menos-valia que pode ser significativa.

O que pensam os candidatos sobre Regionalização?
Que medidas pensam tomar para inflectir a marcha da corrupção?
Qual a sua postura para optimizar e colher dividendos da nossa inserção estratégica( no espaço europeu e no «eixo atlântico»)?
Que medidas para estimular a exportação, criar novos postos de trabalho, incrementar o investimento em áreas de grande impacto estratégico?
Política externa, que medidas propugnam para relançar a nossa imagem, as nossas potencialidades?

Enfim, ideias. Há que as aprofundar e mostrar para que os portugueses possam cotejá-las.
Sou independente, mas como cidadão interventivo, também quero saber o que pensam (se é que pensam) os candidatos a um possível cargo de primeiro-ministro.
Todo o país se interroga sobre o que poderá mudasr (para melhor) com a chegada deles a um lugar de grande responsabilidade, onde o sentido de estado, a coragem, a sagacidade se impõem.

quarta-feira, março 03, 2010

O Brasil riu, riu, riu...







Lula : «Meu caro Fernando Pinto, essa de você pôr alguns pilotos da TAP a frequentarem um curso de Ética, fez-nos rir a bandeiras despregadas! E o professor de Ética deve ser brasileiro, claro! A Ética é uma planta que existe em abundância cá no Brasil, mais do que cafezeiro!....»
Fernando Pinto: «A gente tem de se defender, né presidente? Xingar a gente no tal de Facebook, não é muito abonatório!...»
O Zé replica: «Se os pilotos o mandassem tirar um curso de economia espartana, a ver se ele diminuía as mordomias com que se faz rodear, talvez a coisa estivesse mais equilibrada!...
Isto de brasileiro dar lições de Ética, não me cheira nada bem!»

terça-feira, março 02, 2010

Como se ganham eleições...




















__O Brasil está na vanguarda em tudo! Vocês têm Figo, «el pesetero»! Nós temos os «sanguessugas», os «mensalões» e ainda há um tal de Collor de Mello, o tal que se intitulava o «caça-marajás» mas que afinal se constatou ser o maior de todos!!! Tiro-lhe, humildemente o meu chapéu, aquele garotão ainda era mais sofisticado que eu! Ele e o P.C. Farias, que dupla, meu Deus...

Enfim, como dizem lá no escrete, Portugal não passa de um Brasil-B!!!



Os factos vindos a lume recentemente manifestam aos olhos de todos o modus faciendi pouco ortodoxo para a vitória eleitoral.
Observa-se o desejo de ter ao lado pessoas importantes, mediáticas, capazes de captarem eleitores. Se preciso for usam-se bens públicos, de todos nós, para as seduzir, aliciar, «capturar»...

O recente caso do Tagus Park em que se vislumbra uma situação pouco ética: o objectivo é captar o apoio de uma figura pública, depois dá-se-lhe (ainda que de forma diferida: uma Fundação da qual o beneficiário é tutor...) um óbulo a título de possível compensação para o «custo» da operação.

Ainda temos bem presente o caudal de insultos lançados ao prestigiado internacional Luís Figo quando trocou o Barcelona pelo Real Madrid: o de «pesetero»...

No final o zé povinho é que vai pagar a factura. Estas cenas repetem-se de forma tão caricata que dão, da própria democracia uma imagem caricata.

Há até quem diga que vivemos uma caricatura democrática...

segunda-feira, março 01, 2010

«SOLUÇÃO FINAL» -- limpem-se os gajos!


Alguém duvida do plano estratégico para «limpar os gajos» não afectos ao sistema, na comunicação social?! Depois de José Eduardo Moniz e de Manuela Moura Guedes, que já foram «limpos», eis o vasto rol dos que ousaram enfrentar o «sistema»: aí vão eles, despidos e com uma mão atrás e outra à frente, punidos por serem isentos, não vergarem ao «sistema»!!!
A estratégia do primeiro-ministro, a sua «Solução Final», está aqui, desnudada perante os cidadãos ainda incrédulos!!!
PS: Manuela Moura Guedes, está noutra foto, o pelotão das «gajas»!