rouxinol de Bernardim

Um blogue plurifacetado procurando abordar questões de interesse sob perspectivas diversificadas. A independência sim, mas sempre subordinada a parâmetros de bom senso, de optimismo e de realismo.

Minha foto
Nome:

Penso, sonho, trabalho, amo... logo, existo!

sexta-feira, julho 31, 2009

Nada de excessos!...


Portugal é um país de excessos e os excessos são prejudiciais à democracia.
A mim, ninguém me pode acusar de excesso de pudor... ou de escrúpulos...

quarta-feira, julho 29, 2009

Combate aos fogos...




.
Todos os anos tem sido um descalabro. Oxalá este ano se tomem medidas e se obviem a situações calamitosas de todo em todo intoleráveis.
A nossa floresta está sendo delapidada (às vezes de forma criminosa) e a incúria das entidades de supervisão é notória. A prevenção e o ataque à nascença quando surgem ignições, são medidas prioritárias. Oxalá não ande o país a ser queimado para alguns se aproveitarem da situação.

terça-feira, julho 28, 2009

Dona situação, uma «vaca sagrada»?!

Dona Situação olhando para a qualidade do leite...

R. B. __ D. Situação, o que acha do leite que se produz actualmente em Portugal?

D. Situação_ Acho que está a ser subavaliado. O nosso leite é bom, tem qualidade, mas está a ser colocado a baixo preço. Porquê? Porque apareceu aí um leite menos bom, lançado no mercado de forma ardilosa e que faz concorrência desleal. Há que ter muito cuidado, não vá acontecer como na China...

R.B.__ Que aconteceu lá ?

D. S__ O leite estava infectado por um produto que se viria a revelar fatal para muitas crianças. O que é barato, por vezes, sai caro.

RB__ Que recomenda?

D.S.__ O consumo do leite português não só por patriotismo mas também por segurança. Há que acautelar danos que poderão ser irreversíveis. O Estado e o governo não estão ainda como eu quero. Há que usar os canais publicitários adequados para divulgar a defesa dos nossos produtos. «O que é nacional é bom!» deveria ser mais incrementado. A TV (RTP II) e certos jornais com pendor estatal ainda não estão ao serviço de todos nós. Estão ao serviço de uma «capelinha» de interesses que visam satisfazer determinados lóbis instalados e pouco mais...


sábado, julho 25, 2009

OBAMA WAY!


Nós podemos! Nós queremos!

A crise tem normalmente a sua génese em actos pouco consentâneos com um viver sadio e transparente. Multiplicam-se as corrupções e os abusos sem que ninguém actue, tal a teia de cumplicidades que mina os alicerces das sociedades. Por fim, é preciso dar o chamado «murro na mesa!» para que a situação seja corrigida e se criem exemplos que dissuadam os prevaricadores.

Parece ser agora o que se passa nos States onde cerca de quarenta personalidades (dentre autarcas e até rabinos) foram detidas por suspeita de práticas ligadas a corrupção e tráfico de órgãos...

O carácter mediático destas detenções é um pedagógico aviso à navegação...

sexta-feira, julho 24, 2009

Os padres, outra vez...

Agora é um comunicado elaborado por três padres a enaltecer a figura de um candidato a presidente de câmara. O visado não é Mário de Almeida. É Santana Lopes. Dizem que ele, dentre outros atributos, tem «vergonha»!!!

Veja-se ao que isto chegou! Costa o «sem vergonha», Santana o «com vergonha»!

Misturar o que é de César com o que é de Deus é lamentável. Em Vila do Conde, uma terra de província, onde impera uma certa política de campanário, um caciquismo de presunção e água benta, ainda se compreende, agora Lisboa, a Lisboa moderna e civilizada, a Lisboa que sabe colocar as coisas nos devidos lugares, quem diria? No jardim da Estrela, a florescer, pujante e irreprimível, essa flor chamada caciquismo clerical! Não, não é flor que se cheire...

Só uma pergunta senhores abades: Santana tem «vergonha» de quê?!!!
A César o que é de César, a Deus o que é de Deus!
Os senhores padres deveriam ter a CORAGEM de se candidatarem e não fazerem política no púlpito, a coberto das vestes clericais! Há um em Famalicão que o fez, esse sim, faz política abertamente, mas diz que é isento (como todos devem ser) no exercício do seu munus sacerdotal!

O «Senhor de Matosinhos»...


__«Senhor de Matosinhos» neste seu regresso às corridas eleitorais não receia que lhe venha a acontecer o mesmo que a Armstrong na Volta a França? Não teme o surgimento de um Contador ?
__Não conheço a apalavra receio, eu sou invencível!
__O Titanic também era, antes do icebergue...
__A vida está para os narcisos, olhe o Sócrates, diz que está para nascer um melhor que ele, que é o maior, que tem tudo sob controlo; eu também tenho os meus trunfos, sabe. Conheço esta gente como os dedos da mão. Ainda está para nascer alguém que me derrote nas urnas... Eu e a minha coligação somos a «armada invemcível!»
___Olhe que de presunção e água benta está o inferno cheio!...

Miss Transparência!


R.B. - Acha que Portugal ainda é governável?
M.T.__ Sim, sim, mas há que ter cuidado pois o país já bateu no fundo!
R.B.__ Quem nos garante que ainda não irá mais ao fundo? Já ouço dizer isso há tanto tempo e continua a descer ainda mais!
M.T.__ Olha rouxinol, o país está como está por causa desse Sócrates que prometeu mundos e fundos e depois foi o que se viu! Não tem transparência, é só opacidade!
R.B._Mas você é contra o Sócrates?
M.T.__Claro, aquele «animal feroz» é forte com os fracos e mansinho com os fortes: veja o que ele fez com os bancos quase falidos, injectou para lá dinheiro dos contribuintes que foi um disparate, só para defesa de uns gananciosos que quiseram jogar na roleta e saíu-lhes o tiro pela culatra... quem paga? O contribuinte, o zé... o povo!
R.B.__ Qual a sua receita para o país saír da crise?
M.T.__ Transparência total! Olhe, aquilo do contrato com a empresa que explora os contentores no porto de Lisboa, sem concurso público, com encargos astronómicos para o Estado em caso de calamidades ou de tráfego inferior ao previsto é uma ruína, é uma calamidade, é um suicídio político! eu nunca apoiaria aquela cretinice, aquele autêntico «abono de família» para a Mota Engil, a empresa mãe... Estes políticos são mas é uns filhos-da-mãe!!!

quinta-feira, julho 23, 2009

Operação «mãos limpas»!...

Parabéns Macedo Vieira, és pioneiro na prevenção! olha, aproveita a oportunidade e vê se evitas também o propalar do «vírus-da-demagogia» que costuma proliferar nas campanhas eleitorais!!! Matas dois coelhos de uma cajadada!!!



A tão aguardada «operação mas limpas» já chegou à Póvoa de Varzim!!!

Por iniciativa do próprio presidente da câmara (médico cirurgião...) começou-se esta operação que pretende salvaguardar a saúde pública perante a iminência de uma pandemia.

Não, não é o «vírus da corrupção»(1), é o H1N1, indutor da Gripe A, que faz movimentar os autarcas. Assim, tendo em mente tão nobre desiderato, estão percorrendo as freguesias do concelho alertando toda a gente para o perigo que se avizinha. Toda a gente deve lavar bem as mãos, mesmo depois de um aperto de mão com gente suspeita.

O vírus alastra e tem uma etiologia curiosa: aproveita-se da humidade e de contactos pouco limpos, podendo transmitir-se por toalhas, por copos, objectos como corrimões, puxadores de portas, campainhas. A patogénese é estimulada por ambientes pouco limpos. Até alguns «negócios» (no sentido abrasileirado do termo...) podem gerar a proliferação do vírus... Negócios pouco limpos, como é óbvio!...

O beijo, o aperto de mãos, certas promiscuidades (lato sensu...) são o caldo de cultura ideal para incrementar a pandemia...



Mesmo os padres devem precaver-se. Não, não é ser comissário político dar instruções em consonância com a câmara. É pragmatismo, é amor à causa pública, é sanidade pura, é zelar pelo bem comum.



Quem diria que a pia baptismal pode ser um veículo patogénico?!



Se alguém contaminado com o vírus, lá mergulhar a mão impura, todos os utentes futuros poderão vir a ser contaminados... e a cadeia multiplica-se ad infinitum...



Há já instruções objectivas para serem esvaziadas totalmente as pias de água benta! O vírus é o diabo!!!!

(1) Este parece que já ninguém o combate: ele provoca doença no organismo Estado, mas, pelo contrário, robustece a saúde financeira de outrem... Dizem até que há um cientista que anda a concluír um mestrado sobre uma doença nova: a das «mãozinhas»... visando erradicar definitivamente esta maleita que depaupera os cofres ao erário público.

Marcadores:

Um substituto à altura!

No Manchester United a racionalidade económica é exemplar. O número 7 Cristiano Ronaldo foi substituído por Michael Owen, um jogador baratucho e que se tem fartado de marcar.

Assim, embora honrado com a dádiva, não deixa de se considerar em estado de choque dada a responsabilidade.

Oxalá os dirigentes portugueses (sobretudo os do Benfica, um gastador sem resultados palpáveis...) seguissem este exemplo de contenção e de inteligência do M.U.

Marcadores:

Há quem pague, logo há que facturar!...

Um leilão sem pés nem cabeça... Mas ainda há disto!

quarta-feira, julho 22, 2009

Entrevista ao papa da política nacional...

Sua Santidade, o papa Pacheco Pereira, que com a encíclica «Abruptamente no Verão Passado» conseguiu alçapremar-se a um patamar de genialidade só ao alcance dos eleitos...


R.B.- Vossa Santidade acha que «a carne é fraca»?
PP__ Sim, fraquíssima... mas os ossos também, e que o diga o meu homólogo do Vaticano que partiu o pulso há dias. Mas para fiscalizar a qualidade da carne temos a ASAE...
RB__ Só que parece ser inconstitucional esse organismo...
PP_ Talvez, admito sem rebuço que possa ser. Contudo há que criar uma entidade que fiscalize, senão temos abusos. Há carnes que, com o avançar da idade, não perdem qualidades... mas são excepções...
RB__ Estais-vos a referir à carne da raça barrosã?!
PP_Não, não, estava a referir-me à carne da Maya, a astróloga que apesar de estar na ternura dos cinquenta, teve a ousadia de posar semi-nua para uma revista de apreciadores dela... da carne, claro...
RB_ Vós apreciais as suas qualidades de taróloga?! Ou é uma actividade que vos repugna!...
PP__ Nem uma coisa nem outra. Respeito todas as profissões, eu próprio, nas minhas cogitações profundas, arrojo-me a penetrar nos meandros metafísicos. Nem sempre com sucesso reconheço-o, mas de cartomante e de tarólogo todos temos um pouco. Admiro a sua perfomance neste domínio (e no outro, claro, tem as coisas no sítio certo, apesar de ter tido alguns retoques de bisturi...).
RB_ Já agora, quem vai ganhar o campeonato para o ano que vem?
PP_ Vai ser o Braga, sem dúvidas...
RB__Mas porquê?! Algum segredo especial?
PP_ Continua a ter o Bom Jesus , que não foi para o Benfica, ficou lá a orar pelo seu Braguinha... e agora, com Paciência redobrada, vai levar tudo a eito... vai ser uma rasia... os chamados grandes que se cuidem... O país inteiro vai ficar a ver Braga por um canudo, o canudo do título!...
RB_ Que pensais de Cavaco Silva?
PP_ Admiro a sua arte de cultivar jardins... mas teve azar, tinha lá um alfobre tão bonito... e deu-lhe o arejo...
RB__ Estais-vos a referir ao Jardim da Madeira?
PP__Não, não, esse é um populista desbragado, deu-lhe o bicho carpinteiro há muito e não tem mais cura. Referia-me era ao BPN... aquilo, agora se vê, não são flores que se cheirem...

«Coisa normal da vida...»

Há a convicção de que Arlindo de Carvalho está envolvido em situações menos transparentes envolvendo o BPN e que terão lesado patrimonialmente a instituição em muitos milhões de euros. «Coisa normal da vida» assume com toda a naturalidade o ex-ministro. Banaliza-se e mostra-se o ar mais natural do mundo. Ganha foros de coisa «natural» qualquer situação lesiva do interesse da instituição em causa (BPN) como se houvesse a convicção de que haverá uma mão invisível a proteger tudo e todos. Será o SISTEMA?!!!

terça-feira, julho 21, 2009

Ano de eleições: cuidado com o défice!

Segundo relata o público de hoje (clicar), o défice público foi no final do primeiro semestre de 7305,8 mil milhões de euros. Três vezes e meia mais do que o verificado no período homólogo (2008), denotando algo de preocupante para todos. O governo actual poderá deixar uma «pesada herança» para quem vier atrás. Esta preocupação é tanto mais gravosa quanto é certo o período eleitoral que se avizinha poder carregar ainda mais o tom sombrio das contas públicas!

Há que estar atento pois a chamada ingovernabilidade poderá estar no horizonte. Um espectro partidário diluído, não havendo maioria consistente poderá dar azo a nuvens muito negras no que concerne à estabilidade futura. Seja quem for o vencedor terá uma margem de manobra muito reduzida...

Governos de iniciativa presidencial poderão estar no horizonte de médio prazo.

Os portugueses de bom senso e de recta intenção devem começar a pensar em cenários pouco animadores. O despesismo que se vai verificando nalgumas autarquias (festinhas, festarolas e festivais de toda a ordem e feitio são o pão-nosso-de-cada-dia...) poderá ter que ser radicalmente cortado no próximo ano. O caciquismo alimenta-se do monstro despesista, por vezes de forma alienatória e viciosa. A política de subsidiodependência, feita com objectivos eleiçoeiros, pode estar na génese de muitas metástases de índole financeira. O cancro da corrupção pode minar a credibilidade das instituições. Estar atento nunca é demais!

Os excessos de agora pagar-se-ão muito caro no futuro. E paga o justo (normalmente) pelo pecador. Este, normalmente, arranja bodes expiatórios para alijar as suas próprias responsabilidades! e quem vier atrás que feche a porta...

Isto não é dramatizar, é alertar e chamar os bois pelos nomes: vendedores de ilusões é o que há mais!!!

O charme discreto do SISTEMA...


Salazar:A minha filosofia perpetua-se no tempo e no espaço: fatalismo, resignação, obediência cega, imobilismo... É isso, é a razão de ser dos dinossauros...
Cavaco Silva: Não tinha pensado bem nisso, mas é lógico!
A injustiça campeia
Sinto, é só respirar;
Mas tenho cá uma ideia
Que é máquina a desmontar...
Tem alicerces profundos
Vai gerando iniquidades
Alguns, no melhor dos mundos
Outros, só necessidades...
Há quem lhes chame «SISTEMA»
Que é lusa fatalidade
Ingenuidade suprema
Pacóvia boçalidade!
Resignação, fatalismo,
O manter a exploração
Fomentar imobilismo
É a voz da «Situação»!...
Era assim no antigamente
Mudar!, era atrevimento!
Domesticar toda a gente
Do poder, era o intento!!!

Marcadores: ,

domingo, julho 19, 2009

Eu, bombeiro no combate à corrupção...


Eu, bombeiro, transportando ao colo a Verdade... e sendo queimado em Tribunal!...
Portugal do coração
Eternamente adiado
Ao leme... a indecisão
E o laxismo em todo o lado...
Nos interstícios da lei
Vai medrando o oportunismo
Uns patos-bravos, eu sei
Dão vida ao neofascismo!
Na banca é um forrobodó
Só volúpia corruptora
Ninguém vai pró xelindró
A justiça é branqueadora...
A corrupção alastrando
Incêndio fenomenal
Eu... tentei ir apagando...
Fui queimado... em Tribunal!!!

Marcadores:

sábado, julho 18, 2009

A Direita também tem encantos...


Só falam da Esquerda, como se ela fosse a coisa mais importante do mundo! e a Direita?
Deus fez a Esquerda e a Direita com igual carinho e ternura...
Há quem viva à Direita mas pense à Esquerda...
Há quem seja de Esquerda no local de trabalho e de Direita em casa...
Há quem aponte todos os defeitos à Direita... mas... como pode ver-se... ela também tem encantos e recomenda-se!
Direita e Esquerda Deus fez
Cada qual com seu encanto;
Eu, como bom português,
Com ambas sou bem cortez
E lhes entoo o meu canto!
Critico a esquerda, bem sei,
Se quer mamar do poder;
Direita criticarei
A boca não fecharei
Quando obscena quiser ser!
Firmes devem ambas ser
E mostrar ... a transparência!
Equidistante irei ser
Não quero vê-las pender
Flácidas... sem apetência!
A apontar o céu, será,
A mama com mais talento
Fascínio despertará
Então, a gente dirá:
«Mama assim... é monumento!»

Marcadores: , , ,

Rui Rio que se cuide!!!

E vocês não pensem que são favas contadas para Rui Rio! eu agora tenho um trunfo poderoso: o Rei de Espadas!


Finalmente o tão aguardado «Sim!». Pinto da Costa __ o cidadão empenhado em causas sociais, em defesa do "Coração da Cidade", o palpitar de uma generosidade atenta e sempre digna de atenção__ dá a cara pelo seu projecto ; e agora como reagirão as sondagens? Talvez não disparem de imediato para os céus da plenitude, mas irão certamente subir, já que o poder de atracção do líder dos «Dragões» é notório, se bem que também gere alguma repulsa, sobretudo depois do caso Bexiga e similares...
Mas Elisa Ferreira, esse avião mediático, começa agora a descolar e prepara-se para altos voos... o país olha expectante e ansioso; a hipermediática candidata tem do socialismo a noção perfeita, da economia a justa percepção, da democracia participativa o devido alcance, sendo considerada uma potencial líder, se vencer no Porto __ por ora uma bastião laranja__ e se eventualmente Sócrates soçobrar no embate com a Dra Ferreira Leite... como alguns começam a profetizar, embora pessoalmente, a manterem-se certas condições, coeteris paribus, eu não vá por aí...

sexta-feira, julho 17, 2009

Corrupção à rédea solta!!!


Ver aqui algo que eu já tinha detectado há mais de vinte anos e... fui processado!!!

A falta de cadernos de encargos, de rigor e de cláusulas penais para eventuais incumprimentos, toda uma parafernália de irregularidades que eram (e são) uma porta aberta para a promiscuidade e a venalidade!!!


SÓ DESCOBRIRAM ISTO AGORA??? QUE CEGUINHOS, MEU DEUS???


Vem também agora o escrupuloso Tribunal de Contas clamar e bradar aos céus e aos infernos porque o negócio entre o Estado e a Mota-Engil sobre o Terminal de Contentores é RUINOSO para o Estado!!!


Mas que lhes importa? Será que a Mota- Engil não vai desembolsar algum para as campanhas que estão no horizonte!!! então que se dane o escrúpulo, o erário público, o rigor, enfim, que se lixe a democracia!!!


Cambada de mafiosos que se vão sobrenutrindo à custa de todos nós, fazendo gato sapato das leis e das regras democráticas, dos sãos princípios contratuais que devem nortear empreitadas e fornecimentos!!!


Não, não sou um partidólatra defendendo à outrance uma coutada partidária, defendo a Pátria, a Democracia, e fá-lo-ei sempre, ainda que os veros responsáveis por este estado de coisas se acoitem na tibieza e na cobardia. Isto não é domocracia é o «salve-se quem puder!», porque a corrupção compensa! quanto mais laxismo, mais falta de rigor, quanto mais libertinagem processual mais se enche o cabaz clientelista, a pança partidária e a dos seus acólitos!...


Depois, bem, é branquear a imagem com entrevistas e mais entrevistas, condecorações e mais condecorações, apariçoes em eventos por tudo quanto é sítio com ar de santo a precisar de veneração, quando todos o sabemos que o que faz falta é um pau de marmeleiro no lombo sobrenutrido de alguns...


Que diferença há entre a praxis deste Estado e a praxis dos capitães da banca no BPN?!!! O modus operandi é em quase tudo similar: perverter as regras para sacar, sacar, sacar... e dizer com ar de anjinho: «só assinei de cruz!», «não sabia de nada!», «desconhecia os efeitos contabilísticos... pois não percebo de contabilidade!»- E quantas vezes, a própria PJ, em vez de actuar para descobrir a verdade, remete-se a um silêncio e a um laxismo coniventes e comprometedores...


E o Senhor Presidente da República, qual múmia paralítica, com olhar esfíngico e temente a Deus e aos excelsos sponsors, que diz??!! Que me conste limita-se a declarar um prudente «dever de reserva»!!!


Esta ditadura dos barões minou definitivamente os alicerces da democracia. Qualquer semelhança com uma verdadeira democracia é pura coincidência!!!


Quando vier outro regime (só a Europa está a proteger este caldo de cultura promíscuo... no dizer do também limpíssimo Mário Soares!...) virão clamar por amplas liberdades... eles, os que sugaram o Estado até ao tutano, levaram empresas à falência por fraudulenta descapitalização para saciar apetites próprios e de amigalhaços, dirão: isto é ditadura!!!


E agora o que é? É a ditadura dos amigos do... alheio!...

Quem duvide que levante o braço!!!

Marcadores: ,

O CRIME DOS CTT!!!

Ela nascera a quatro de Julho. D Adosinda (nome fictício para não a envergonhar...) aos 95 anos fora vítima de um roubo por esticão. Ficou sem os cem euros que destinara a uma festinha com as amigas que ainda lhe sobravam...
Ficou uma lástima. Os olhos já não tinham lágrimas que chegassem para tanto desgosto. Pensou que tinha chegado o fim, mas não cometeu o suicídio que a princípio tentou. Dominou-se, conteve-se, e teve fé em Deus...

«Meu Deus, escreveu ela na carta que decidiu enviar-Lhe, fui roubada por um malandro. O meu aniversário, a 4 de Julho, vai ser muito triste. As minhas amigas foram convidadas para um convívio e não sei que comprar pois não tenho dinheiro. Além da vergonha há a necessidade. Não sei como viver daqui até ao próximo mês. Por favor ajuda-me!...»

Nos CTT leram a carta e condoeram-se da pobre idosa. Quotizaram-se arranjaram a importância de 95 euros. Um funcionário (o prestável Armando), que morava perto da sua casa, meteu o dinheiro num envelope e foi entregá-lo na sua caixa de correio. Era a dádiva de Deus!...

A resposta surgiu mais tarde. Rezava assim:

«Meu Deus, obrigada, Tu tens compaixão dos pobres, não és só amigo dos ricaços como o Jardim do banco e o Melícias das Caixas Agrícolas, Tu sim, Tu és também amigo dos pobres. Tive um aniversário excelente.Evitei passar por vergonhas. As minhas amigas ficaram admiradas com a Tua generosidade. Queriam escrever-Te mas não deixei. Haverá outros que precisam mais. Mas olha lá uma coisa: eu pedi-Te CEM euros e vieram só NOVENTA E CINCO... seriam aqueles sacanas dos Correios que ficaram com o resto?!

Marcadores:

ISALTINAR...

Dizem que o país já perdeu a tramontana. Outros, que perdeu o tino. Não o de Rãs, claro...

O certo é que um tal de Isal-tino vai dizendo cobras e lagartos da justiça que teima em condenar um homem bom, justo, transparente, honesto, amigo do seu amigo, poupado, temente a Deus... Será por ter barba e ser tido na conta de revolucionário ou de visionário?

Sente-se perseguido pela justiça. Di-lo de tal forma e de tal jeito, que, se fosse no antigo regime, já teria sido internado por ter a «mania da perseguição»!!! Era o mínimo que acontecia aos que se queixavam de o serem, de facto!!!
Diz que tem «vergonha» de já ter sido Delegado do ministério Público. Que este mente ao serviço do PSD?!
Será possível ainda não lhe terem movido um processo?

Eu, pessoalmente, fui acusado injustamente. Acusei o presidente da câmara de mentir várias vezes. Aleguei: ou foi má-fé ou então mitomania. A mitomania é a propensão para a mentira compulsiva, que é uma patologia, logo, um atenuante para a má fé que é crime!

Imaginem que fui acusado pelo presidente, de insulto, e o Ministério Público aceitou a queixa e foi-me movido um novo processo! Eu, pleno de razão, a procurar uma explicação para a sistemática falta à verdade e a ser acusado de insultar! Estava apenas a fazer um mero diagnóstico ilibatório de um possível crime!!!

E este Isaltino acusa frontalmente o MP de mentir e não é processado?! Faz afirmações que são atentatórias do prestígio dos tribunais, sai para fora da sala em momentos estratégicos visando apoucar quem fala no momento, e nada lhe acontece!!! ???
O Público http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1391966&idCanal=62 dá-nos conta da tragédia que impende sobre este homem de bem, um autarca-modelo, um bandeirante da democracia, um paradigma do poder local!!! Um «santo» a merecer um «céu»...

Deus Nosso Senhor tende piedade desta Justiça que é fraca com os fortes e fortíssima com os economicamente débeis!...

Marcadores:

quinta-feira, julho 16, 2009

Rasgando a cortina do futuro!!!

Há que acabar já com o comunismo e a prazo com o socialismo pois é uma via comunizante.

A choldra continua. A gripe porcina é fruto de pecados da humanidade, como diz o padre Maçarico. Há que benzer tudo e todos, já! E leiam o poema do Guerra Junqueiro «A Bênção da locomotiva!»
Jardim é ou não é a «locomotiva» da Madeira?!


Antevisão do «day after!»
Após um duelo empolgante, um ombro-a-ombro até ao último dia, Jóse Sócrates ganhou à tangente... Ferreira Leite ficou em segundo... mais distanciados ficaram BE, CDU e CDS...



Jardim comenta: «Não, não foi Sócrates que ganhou! foi a criatura que perdeu, eu já sabia, eu já tinha avisado e não me ligaram nenhuma! Ela (a «criatura») teve a faca e o queijo na mão e... cortou a mão!! Se bebesse umas ponchas e mandasse umas bojardas estilo descasca pessegueiro ganharia... assim, como aquela linguagem beata, sem alma, sem galvanização, sem chama, deu o ouro ao bandido... e o mafarrico do Pinto de Sousa agradeceu! Este país tem de se libertar do comunismo e do socialismo, que são a génese, o pecado original da crise, eles são o alfa e o ómega do descrédito nacional! altere-se a Constituição para os afastar, já!»



Portas comentando : «Assim não pode ser, as sondagens arrasaram-nos, nós temos potencial vencedor, mas com aquelas sondagens quem pode resistir?! Muito fizémos nós... por este andar temos que fazer como alguns para ganharem campeonatos, não compram grandes jogadores mas investem em árbitros, nós temos que investir em empresas de sondagens!»




Sócrates falou assim: «O povo penalizou os caluniadores de freeports e outras maledicências, o povo sempre esteve connosco, o povo é sereno, não se deixa intimidar por sondagens, o povo venceu!»


Louçã disse de sua justiça: «Estamos no pódio! O terceiro lugar foi o prémio que o povo nos deu e não será cheque em branco ao partido socialista! Acordo de incidência parlamentar sem partilha de governo nunca! Sócrates só ganhou graças a uma ardilosa campanha de vitimização que mais uma vez ludibriou o eleitorado! Na próxima, seremos nós os vencedores!»


Jerónimo de Sousa esse, fleumático e triunfante: «Estamos a crescer, o povo continua a apostar em nós, lenta mas seguramente chegaremos lá. Se não fosse a estratégia vitimizadora de Sócrates e de Manuela Ferreira Leite poderiamos ter vencido. Não vencemos mas convencemos!»


Menezes, lá do seu púlpito de Gaia (RTPN), disse: «Isto é o caos completo, a síndrome de ingovernabilidade, a metástase economico-financeira permanente, enfim, o pré-dilúvio universal!!! Convoque-se já um congresso extraordinário para que eu seja entronizado líder e com poderes de intocabilidade, senão, dentro de uns meses, vêm lá aqueles terrores sulistas, elitistas e niilistas, tentar destruír-me e é o fim!»



Cavaco Silva, esse, pega no telefone e liga para rouxinol de Bernardim, desabafando: «Que me dizes a isto seu adivinho de pacotilha?! Impossível governar este país! já não tenho confiança nestas criaturas!Que vou fazer agora? Queres ser primeiro-ministro num governo de salvação nacional?!»


Respondo assim: «O senhor professor tem a faca e o queijo na mão, por favor corte bem o queijo
e meta a mão na consciência. Veja o estado a que chegámos. Eu vou de férias para a Patagónia e não sei se regressarei... desenrasque-se! quem não tem cão caça com gato! chame o Gato Fedorento que ele dará conta do recado! Nesse, o país confia mais do que em todos os políticos juntos!!! Faça uma sondagem e verá!»

Marcadores:

Cascata de suspeições...

A Força Emergente que se constituíu assistente no caso Freeport pede o afastamento da procuradora Cândida Almeida, relata o Público. Reatando já críticas oriundas de outros segmentos, nomeadamente por causa de ter pertencido à Comissão de Honra da candidatura de Mário Soares, à Presidência da República, e quiçá, por manter contactos estreitos com elementos preponderantes da área socialista...

Lopes da Mota quer o afastamento do seu inquiridor no caso das «pressões sobre os magistrados que estão a investigar o Freeport»...

O país, de suspeição em suspeição, vai de mal a pior. Toda a gente suspeita da justiça e dos seus agentes. Haverá motivações, não haverá?

O cidadão comum interroga-se e este clima não abona a qualidade da democracia, se é que ainda se pode chamar assim ao regime em que vivemos. Até quando?

Marcadores:

Um libertador que não se libertou...


Bilhete de identidade do herói (in Pravda ilhéu)
Finalmente tombou a árvore generosa que na floresta libertária, sempre ergueu os braços contra as injustiças, as opressões, os arbítrios sem conta de um fascismo que a todos, de forma discreta ou camuflada, foi reprimindo...
Hermínio da Palma Inácio foi um romântico na plena acepção do termo. E levou esse romantismo às últimas consequências. Paz à sua alma.

Marcadores:

quarta-feira, julho 15, 2009

Contrastes!

Não acreditem no rouxinol, ele deve ser um cripto-comunista ou coisa assim!...
Este gajo só diz trenguices: escrúpulos, transparência, lisura...


Tens razão, meu caro rouxinol: é o "pão e circo", tão caro aos romanos!



O mundo vive uma crise medonha: desemprego galopante, fraudes gigantescas, corrupção a rodos, justiça capturada por forças ocultas, a fome e a miséria a estenderem os seus tenebrosos braços a toda a parte...

No entanto aparecem uns florentinos (não só o Perez... mas outros cá por casa)

a gastarem fortunas com orgias mediáticas, com aquisições de jogadores de futebol de forma alienante, só para aplacar os ânimos de adeptos, só para saciar a ânsia de espectáculo que vai em certos meios, tentando desviar as atenções para os problemas graves e centrando-as apenas nas odisseias da bola...


A Igreja quer criar postos de trabalho, dar ocupação e sentido à vida de muita gente mas não tem os meios suficientes, precisa de apoios. Será que o Estado mostra sinais de mudar de rumo? Já se ouviu alguém criticar os excessos? Não, as campanhas eleitorais vão ser um sorvedouro de dinheiros públicos e privados, as atenções vão-se virar para epifenómenos ridículos e patogénicos, o culto de personalidade vai ser o pão nosso de cada dia: o trajo da candidata, os locais de férias do candidato, as residências, os carros, os hobbies, as megalomanias...


Pobre mundo entontecido por um tsunami mediático, cultuando personalidades e evitando ir ao fundo das questões... a Igreja, esse oásis no meio do deserto, procura remar contra a maré, mas ... essas procissões que o verão ostenta, como cigarras em cima de azinheiras, não serão também, elas próprias, um excesso?!

Marcadores:

terça-feira, julho 14, 2009

Carta aberta ao Criador!



To: Criadordouniverso.valedoalem@ceu.global
Meu Deus:
Já farto de escrever ao Papa, Chefe Supremo da Tua sucursal na Terra, sem resultados palpáveis, dirigo-me A Ti, Fonte do Universo, Alma Mater de todas as coisas:
Será que os desmandos berlusconianos serão para continuar, sem que Tu, com o Teu Braço Omnipotente, faças algo de regenerador? Vais deixar este "status quo" aviltante?!
Tu, que só queres o Bem e odeias o Mal, será que aplaudes este comportamento? Ele ultrapassa tudo o que um hiper-hedonista que se preze, um ultra-libertino sem escrúpulos nem balizas morais, possa fazer. Ele é o Príncipe da libertinagem, o cavaleiro das orgias sem fim, um péssimo exemplo para os jovens de hoje sempre tão sequiosos de paradigmas, de arquétipos a seguir!
Ele convida prostitutas a esmo para a sua cama gigante (a tal oferecida por Putin!) a tal ponto que algumas, com um resquício de pudor, recusam alinhar no regabofe! ele é demasiado para elas... coitadas... luciferina criatura à solta nas infernizantes labaredas da carne...
Dizem que nós fomos feitos à Vossa Augusta Imagem, meu Deus! Será possível que exista um exemplar deste calibre, sem que Vós nada façais para lhe tolher os passos? O próprio Papa, condoído com tal desfaçatez, já lhe enviou emissários, mas de nada vale. Ele segue imparável e fazendo ouvidos de mercador aos avisos de quem ousa lançar-lhe uma bóia salvadora. Mas ele recusa, quer afundar-se irremediavelmente na areia movediça da lascívia, da obscenidade, do deboche sem fim!...
Meus Deus, não quero que façais como em Sodoma ou Gomorra, onde houve justos que pagaram pelos pecadores, mas, ao menos dai um ar da Vossa Divina Graça e castigai o hiper-delinquente!
Se o não fizerdes, corremos o risco de deixar de acreditar no Vosso Superior Critério de Justiça!
Eu, já estou como Santa Madre Teresa de Calcutá: Será que existes mesmo?! Começo a ter muitas dúvidas?! Mostrai que existis, então passarei a acreditar mais profundamente!
Aproveito a oportunidade para chamar a atenção para os grandes corruptos que fazem campanha eleitoral ao lado de padres e cónegos, e depois, na prática quotidiana, são meros Berlusconis de feição lusitana!
P.S.: Não aponto nomes, pois eles são tantos e dos mais diversos quadrantes que corria o risco de olvidar algum, e ele ficar ofendido na sua honra e Bom Nome!!!

Marcadores:

_-Mestre, dizei-me, de quem é esse crâneo tão feminil?!
__É o crâneo do arquitecto Tomás Taveira!

Marcadores:

segunda-feira, julho 13, 2009

O milagreiro padre Maçarico!!!

Aí está um motivo de satisfação para Portugal! com a crise a entrar pelos nossos hábitos quotidianos eis que surge uma oportunidade de negócio para o país. Segundo reza o JN (ver aqui) este padre tem poderes para curar a gripe A e coisas similares à custa de água benzida por si.

Era bom que o ministério da economia e o das finanças pudessem rentabilizar esta dádiva, assim como o ministério da saúde, sempre ficava mais em conta do que a vacinação macissa.

O país já teve um, que usava métodos similares e teve um êxito relativo (Scolari, na selecção nacional de futebol), nunca foi suficientemente aproveitado e perdemos oportunidades sem conta. Era bom que este padre, de nome Maçarico, pudesse elevar-nos bem alto em termos de referência científica no concerto internacional. O país precisa de gente desta, capaz de globalizar aptidões e realizar milagres com abundância, o que cada vez está mais raro. É sem dúvida um potencial enorme, um sub-produto de uma religiosidade cada vez mais viva e actuante, onde a fé é pragmática, procura a eficácia acima de tudo, colhendo resultados palpáveis e sendo olhada como autêntico maná celestial. Tolos seremos se não alavancarmos tal sinergia, quiçá concedida pelo Além por influência do Santo Condestável, o novel taumaturgo que honra a Lusitânia.
Oxalá a nossa televisão, sempre com programas pouco felizes   pudesse regenerar-se e convidar este clérigo para actuações ao vivo, capazes de multiplicarem urbi et orbi os efeitos benignos da sua extraordinária capacidade de grande taumaturgo da humanidade!
Sócrates, que em tempos alvitrou o choque tecnológico, como panaceia umiversal, talvez possa aproveitar aqui, este salto tecnológico de feição transcendental para colocar Portugal no podium da modernidade! Será um simplex de contornos teocráticos? Quem sabe? Humildemente me rendo a tais poderes e sugiro que se abra uma janela de oportunidade a este talentoso pároco!!!

Honni soit qui mal y pense!

Marcadores:

domingo, julho 12, 2009

Caritas in Veritate! _ a nova encíclica muito oportuna.

Meu Deus, este Berlusconi nem com encíclicas lá vai! Mas há também o Madoff, o Florentino Perez, o Oliveira e Costa, o Valentim Loureiro, o Mário de Almeida, o Dias Loureiro, o Vale e Azevedo, o Lopes da Mota, o Mesquita Machado, e tantos outros que precisam de ler e seguir à risca estes ensinamentos...

A encíclica «Caritas in veritate» está aí mais do que oportuna, mais do que pertinente; ela é aquilo a que alguns párocos dirão «a voz da maledicência...», por pôr em xeque a prática quotidiana de alguns autarcas, de alguns dirigentes desportivos (alguns acumulam e pecam duplamente...), que enriquecem fabulosamente, sem que ninguém investigue a fundo a origem de tal surto epidémico, enquanto a grande maioria sofre e vive no limiar da pobreza...

Quando se vêem clubes a gastar fortunas (grandes e pequenas... depende do universo específico...) dando guarida ao lema romano do «pão e circo» como paradigma alienatório das multidões, obnubiladas por sucessos desportivos que mais não são que cortinas de fumo, tampões, formas subtis de distraír e olvidar os graves problemas administrativos do quotidiano, o Papa deveria ir um pouco mais longe. Falar também dos excessos cometidos pela Igreja, com procissões faustosas onde os vendilhões da política estadeiam a sua venalidade com ar seráfico e espírito farisaico, onde os foguetes são veículo alienatório por excelência, procurando transmitir euforia quando o estado de espírito do povo é mais propenso ao criticismo e ao abatimento, à depressão, eis aqui também um terreno fértil, onde padres e autarcas pecam de forma escandalosa, a eles também serve esta carapuça chamada «Caritas in Veritate»!

Amén!

Marcadores:

A justiça... que injustiças!

Esta justiça que temos, só nos quer dar música! Ver aqui!

Marcadores:

À procura da Verdade!

Tal como Diógenes que, com a sua candeia acesa procurava «o homem», também eu, com a mente aberta e sem preconceitos, procuro a verdade, dê por onde der. A mentira vence muitas vezes, vezes demais para o meu gosto, tem «padrinhos» a protegê-la, tem o dinheiro e as honrarias a promovê-la, procura denegrir a verdade, marginalizá-la, chega ao ponto de silenciar os orgãos de comunicação social, órgãos esses que se espraiam em louvores e salamaleques à mentira. Mas a verdade há-de, mais tarde ou mais cedo, vencer!

Há que abrir os olhos, há que observar a mentira em profundidade, reparar nas suas técnicas promocionais, no seu permanente e ostensivo apelo à comunicação social, ao protagonismo enfadonho, ao estulto pôr-se em bicos de pés...


HOMENAGEM `A VERDADE
A Verdade nem sempre é vencedora
A mentira, por vezes, dá mais votos
Demagogia é sempre tentadora
No povo ingénuo tem muitos devotos...
Há quem prometa «novas primaveras»
Sabendo que o mais certo é... ter invernos
Vendedores de loas, de quimeras
Prometendo mil céus... mas dando... infernos!!!
Há que ter a prudência em bom recato
Fugir aos vendedores de ilusões
Muitos compram a lebre!... mas sai gato!
Asnos há, a passar por sabichões,
Cada qual da fé faz gato sapato
Ingénuos úteis... há-os aos milhões!!!
Nota: Este poema é de ramosdebarros (clicar para ver)

Marcadores:

sábado, julho 11, 2009

Touros na arena!...


Nunca pensei colher dividendos políticos à custa das touradas. Mas o partido exige que façamos tudo por ele, então aqui vou eu, e seja o que Deus quiser!... S. Jerónimo me proteja!!! O ranking da CDU vai subir à minha custa!
Este país está em crise. Crise de valores, mas também défice de imaginação. Gasta-se tanto dinheiro em publicidade lá fora, por que não aproveitar esta onda, por que não fazer um apelo aos turistas para virem cá?
Lá fora há um pânico por causa da gripe A. Talvez uma fobia hipertrofiada, talvez um excesso. Por que não aproveitar esta onda de atracção pelo nosso país? Os cornos do ministro poderiam virar cartaz turístico!
Eu, se fosse primeiro-ministro (pelo que vou constatando não andará longe, ao que vejo...) aproveitaria a onda mediática. É a filosofia do bom surfista, quanto maior a onda, mais perfomance, preciso é saber lidar com ela!
Vários cartazes nas principais cidades nórdicas fazendo alusão ao episódio, e ao nosso sol, às nossas mulheres, ao nosso clima, claro... os cornos seriam como a famosa pedra da sopa de pedra...
Enfim, este país não sairá da cepa torta enquanto eu não empunhar a batuta governamental. Só me falta um partido à altura: tavez o P.V! o Partido da Verdade!
Até lá, modestamente o reconheço, vou contribuindo, distribuindo ideias generosas para o erradicar da crise...Oxalá os desatentos as aproveitem!
Os chifres em Portugal
São a moda do momento
Um evento nacional
Nessa arena-parlamento!
É moda chamar chifrudo
De forma despudorada
É fartote, é vale-tudo!
Política é corneada!
Sem tabus, sem mais adornos,
Sem resquício moralístico
Portugal, país de cornos
Por que não cartaz turístico?!
Homens livres e mulheres
Com cornos, é o trivial...
Subindo chiffre d'affaires
Do turismo em Portugal!
A economia agradece
Em crise, há que ap+roveitar
Que esta fama jamais cesse
Há que a ... capitalizar!!!
Só se fala da gripe A
Fobia até, que loucura!
Cornos, nós temos por cá
Há touradas com fartura!
Vinde a Portugal, ó gente!
Tourear a crise, já!
Há cada corno valente
Que a gripe fugiu de cá!!!

Marcadores:

Vem aí uma medida saneadora...

Esta é uma licença de acendedores e isqueiros antiga.

A moderna, será obviamente mais sofisticada...

No conselho de ministros pensava-se numa forma de compensar a ausência de receitas que este ano se fez sentir de forma muito acentuada. Com o aproximar do verão e na iminencia de incêndios foi abordada a hipótese de revitalizar esta licença. Contudo, Sócrates opôs-se terminantemente:

__Não, não meu caro ministro, você está louco? com eleições à porta, nunca! Seria um suicídio... mas, se ganharmos as próximas eleições a gente faz empolar o défice e toma um pocote de medidas de emergência nacional, então sim, terá cabimento tal medida. Só nesse contexto, claro!...


Marcadores:

sexta-feira, julho 10, 2009

A entrevista com Manuela Ferreira Leite




R. de B. __ A dra Ferreira Leite jura dizer a verdade e só a verdade?
M.F.L__Claro, rouxinol, não é meu timbre mentir, não iria fazê-lo agora para um tão vasto auditório , como é este da blogosfera...
RB__ Como solucionaria o problema do leite que apoquenta os agricultores portugueses, no momento? que medidas tomaria?
M.F.L.__Ainda bem que me pergunta isso. Olhe, com muito marketing, muita diplomacia, com engenharia fiscal e acima de tudo muito bom senso...
RB__ Troque isso por «miúdos» para que os leitores pecebam algo do que diz!
MFL__ Admiro muito a estratégia de Sócrates para venda de produtos. Vendeu muito bem o computador Magalhães, vendeu bem um filme sobre um político homosexual (Mr Milk, salvo erro...), só não se lembrou de vender o nosso leite. Veja, eu telefonava ao Ronaldo antes de ele ir dar aquela conferência em Madrid, no estádio Santiago Barnabéu e pedia-lhe para dizer entre outras coisas que uma das razões do seu sucesso era o leite português, o clima da Madeira, enfim, pequenas coisas, mas que criariam um impacto publicitário monstruoso!
RB__ Mas isso não será uma entorse à verdade? Uma habilidade publicitária?
MFL__ Nós vivemos disso. Todos nós. Já viu o impacto sobre o turismo, sobre o consumo de leite português? Já viu se o Durão Barroso no Parlamento Europeu começar a beber leite português? e se o Mourinho disser que é special one por causa do nosso leite que ele alegadamente teria tomado em abundância? Já viu se o Jardim, em vez de abusar da poncha, na festa do Chão da Lagoa, começar a beber leite português? Mesmo que diga duas ou três calinadas ninguém levará a mal. Dirão, «agora a culpa não é da poncha, o homem está sóbrio, só bebeu leite...»
RB__ Isso é um universo publicitário infinito! Tem mais ideias?
MFL__ Imagine que a nossa Soraia Chaves começa a dizer que o motivo principal para ter aquele busto imponente e generoso é o leite português, o mundo inteiro vai consumi-lo. Se disser que toma banho em leite português como a Cleópatra (com o seu leite de burra... que se calhar nem era verdade ...) a coisa fia mais fino...o consumo disparará para níveis astronómicos...
RB__ E quanto a engenharia fiscal, que medidas propõe?
MFL__ Aos agricultores, sobretudo nesta fase difícil, daria alguns benefícios fiscais que se repercutiriam no preço das farinhas, dos adubos, dos pesticidas, etc.
RB__ Publicidade pelo que vejo é consigo!
MFL__ Olhe eu não sou de direita nem de esquerda, sou abrangente, interclassista, olho pelos pobres e pelos remediados, cuido das PME's com carinho como se fossem filhos meus, como vê na foto acima, não me coibo de olhar à esquerda quando os motivos o justificam: aquela imagem da VERDADE está soberba, eu não perco de vista essa visão sublime, sempre a tenho no meu horizonte. Pela verdade total me baterei sempre, os mentirosos, os charlatães, os corruptos não terão lugar nas minhas listas!
RB__ Então quando for aberto concurso para deputado, no seu partido, será que poderei concorrer?! Sou um sujeito com imensos predicados!...Mas só entrarei se for por concurso, não quero favores, nem alinho com malabarismos, não quero ser afilhado de ninguém para não ter de pagar a factura mais tarde...Quero a verdade sempre pura e transparente, nunca acobertada pelo manto promíscuo da corruptofilia!
MFL__Não, não! Lá só quero artistas convidados por mim, nada de concursos, nada de muitas transparências. Nessas coisas quer-se cuidado, não vá para lá um estragar as nossas negociatas e os nossos lóbis. Tenho de proteger os «padrinhos», senão, vou corrida... eles ameaçam fazer um congresso extraordinário logo após os actos eleitorais ... para me tirar o tapete!...

Marcadores:

quinta-feira, julho 09, 2009

Estátua da verdade


Eis a verdade, nua e crua, contemplando ao longe a falcoaria partidocrática...
Será que a verdade vai ser devorada?

Marcadores:

Dicotomia de Sócrates

Hoje no Público (clicar aqui) Sócrates faz uma análise sublime e irónica das próximas eleições. Será uma luta, diz ele, entre quem «tem confiança no país, vontade e ambição» e quem faz da «resignação, pessimismo e negativismo» arma política!

Dicotomia perfeita, sublime, magistral!

Eu iria mais longe: o combate é entre os que servindo-se de uma ambição desmedida, abusando da confiança dos portugueses, traindo a vontade da grande maioria, foram além do que seria aconselhável e prudente e fizeram afrontamentos pícaros, crispações desnecessárias, atentados à própria democracia, e os outros, os que não se resignam a dar continuidade a este clima, os que com ambição e lucidez, querem a regeneração do país e o aproveitamento de todas as virtualidades e recursos humanos e tecnológicos disponíveis sem olhar à proveniência, sem atender ao perfil etário, sem discriminações baseadas no pensar ou no crer!

Essa é que é a grande luta que se vai travar. Esse é que é o bom combate!

Marcadores:

quarta-feira, julho 08, 2009

Partidolatria, um fim à vista?!

Alfredo José de Sousa ex-presidente do Tribunal de Contas



«Acima de social-democracia está a democracia»
Francisco Sá Carneiro

Nunca as palavras de Sá Carneiro foram tão oportunas e certeiras. As cenas caricatas para eleição de um provedor de justiça deram azo às críticas mais acerbas, ao hipercontroleirismo partidário na cena política nacional. Agora, o bom senso parece imperar.
Oxalá se extraiam ilações para outros domínios: cultural, económico, financeiro, desportivo, social.
Já é tempo de se enterrar esta partidocracia que enfada e causa náusea a quem quer ver uma democracia autêntica a funcionar em pleno. Respeito pelos partidos sim, mas colocá-los como deus-ex-maquina, como coisa a cultuar é demais! Basta de partidolatrias!

terça-feira, julho 07, 2009

DESGARRADA VILA-CONDENSE!


A fadista «lua-cheia» interpretando com rara mestria este fado que vai galvanizar Vila do Conde!
Vila do Conde vai a votos, assim este blog mantendo a equidistância que é seu apanágio, dá a voz às duas candidaturas: o rei-sol e a lua-cheia! Um armador de pesca e uma professora de matemática...
Oxalá o fado seja compreendido por todos. São dois candidatos fortíssimos e não quero tomar partido por nenhum. Entre les deux mon coeur balance, como diria o meu amigo Sarkozy...
Rei-sol
Tu és uma lua-cheia
De problemas, equações
Mas tenho cá uma ideia
Que não ganhas eleições!
Lau-cheia
Tu és rei-sol de arrogância
Julgas-te dono da terra
Farta da tua jactância
Já estou pronta prá guerra!
Rei-sol
Trazes raízes quadradas
Incógnitas, teoremas
São armas mais que emperradas
Jamais causarão problemas...
Lua-cheia
Vou-te mandar à falencia
Seu titanic da treta
Sou icebergue em potência
Comigo ninguém se meta!
Rei-sol
Não vejo em ti competência
Pra conduzir a cidade
O meu rumo é transparência
O teu é hilariedade...
Lua-cheia
O povo rirá no fim
Quando eu te mandar ao fundo
És submarino ruim
Num mar corrupto profundo...
Rei-sol
O meu mar é bem legal
É mar só de honestidade
Sou democrata e plural
Adoro a minha cidade...
Lua-cheia
A cidade não é tua
Esse é que é o grande mal
Vou mandar-te para a rua
Não passas de um... temporal!...
Rei-sol
Julgas tu que és bonança
O povo é quem o dirá
Serei sempre mar d'esperança
Ontem, hoje e... amanhã!
Lua-cheia
És um mar de prepotência
Com ondas de opacidade
Tens medo da transparência
És um mar... de falsidade!
Rei-sol
Sou honesto e vertical
Pescar votos é comigo
Pescador fenomenal
Pescar vitórias consigo...
Lua-cheia
Vais pescar uma derrota
Vais ficar triste, na fossa...
Só se fizeres batota,
Vais levar valente coça!...

Marcadores:

segunda-feira, julho 06, 2009

Campeão europeu de fosso olímpico


Aqui, o João Paulo, ao lado do pai, António Azevedo
(por gentileza do Correio da Junqueira)



João Paulo Azevedo um atirador de eleição, mais uma vez está no galarim. Agora conseguiu o título de Campeão Europeu de Fosso Olímpico (ver aqui...)

Mais uma vitória de alguém que tem elevado bem alto o nome de Vila do Conde e de Junqueira.

Marcadores:

Consciência democrática, onde andas tu?!




Humberto Coelho:
A consciência democrática como alicerce de um desporto limpo e transparente
Luís Filipe Vieira:
O retrato de uma boçalidade populista... sem nível, sem estatura, sem a noção da pureza democrática
Sob um pano de fundo antidemocrático, onde certo caciquismo mediático deu cobertura acéfala e quase total (louve-se a RR... um oásis no deserto da mediocridade...) o país inteiro assistiu a um festival de mediocridade que atesta bem a baixeza de valores que impera a todos os níveis.
Um presidente de câmara que aceitou paraninfar uma candidatura ferida de morte em termos legais-estatutários, não se coibindo de falar sobre a justiça como falam os padrinhos desta selva democrática. As considerações de LFV sobre o juiz Rangel (goste-se ou não dele, seja-se ou não adepto da sua ideologia...) foram de um baixo estofo, de uma mediocridade e de uma boçalidade gritantes. Um nojo.
A alusão a «garotada», como se qualquer sócio não tivesse o direito democrático de concorrer, a arrogância estulta de quem se julga «dono» de um clube (por mais credibilidade que lhe tenha dado... embora à custa da subida astronómica do passivo...o que quase ninguém vê) patenteia a ausência de valores que germina e ameaça aniquilar a consciência democrática, o espírito de Abril.
Poucos ousaram criticar esta fantochada populista. Poucos tiverama coragem de dizer: «o rei vai nu!» Teve-a Humberto Coelho, o «monstro sagrado», o ex-capitão, que mostrou a coragem cívica e a verticalidade que fizeram dele um paradigma dentro e fora do campo. Ao seu lado, LFV é um "rei-sol" de pacotilha...
Humberto Coelho, honra lhe seja feita, mostrou que continua na posse de todos os predicados morais e cívicos que fizeram dele um «capitão» na plenitude do termo.
O juiz Rui Rangel e o candidato Bruno Carvalho estão uns côvados acima do patamar cívico e da estatura intelectual do LFV. Honra aos vencidos, pois deram de si uma imagem limpa, corajosa, digna. Há vitórias que mais tarde ou mais cedo patentearão à saciedade que não são mais do que "pírricas" em todos os sentidos...
Não cultuo os «triunfadores» só pelo facto de o serem. Quero que mostrem estatura moral e cívica para serem dignos desse triunfo. Triunfalismos tolos é o que há mais: nas autarquias, nos clubes, nas regiões autónomas, nos governos..
Luís Filipe Vieira é um reles «soldado raso» mais raso que o Cabo Raso...

Marcadores:

Estado de Direito, isto?!




O «borracho» diz que se está «cagando» para o Estado de direito!

O senhor primeiro-ministro também estará?!

Ó senhor Primeiro-ministro, francamente!!!
Num contexto pré-eleitoral, onde todos os cuidados são poucos para não dar uma má imagem de um executivo tão fragilizado, o senhor aceita de boa mente que um ministro do seu governo no exercício de funções pactue com uma ofensa aos tribunais?!
Num Estado de Direito deve haver respeito por todas as instituições. «Sagrado», segundo disse há dias o Senhor PR.
E o senhor permite que ainda continue no governo, num governo de todos nós, alguém que compactuou com um atentado ao mesmo Estado de Direito?
Que moral terá o seu governo, daqui para a frente, para ser respeitado?
Quem compactua com um atentado hostil ao Estado de Direito, e não pode alegar ignorância ou ingenuidade, deve ser sancionado.
Por que espera para exonerar o ministro que ousou integrar uma lista para as eleições no Sport Lisboa e Benfica, sabendo de fonte segura, que os tribunais haviam declarado a não legitimidade ao líder da lista em causa?!
Será que andamos a brincar ao Estado de Direito?!

Marcadores: , ,

domingo, julho 05, 2009

Carta a D. Jorge Ortiga




Será lícito um padre concorrer a um cargo político e continuar no seu múnus sacerdotal?
Julgo que a pergunta é pertinente e, sobretudo no actual contexto, merece reflexão.
Não é por causa do padre de Nine (V N Famalicão) (ver aqui...) que estou a abordar o tema.
Há muito que me preocupa esta temática a ponto de a fazer divulgar no sentido de partilharem comigo estas preocupações diversas entidades.
Na minha qualidade de politólogo e pedagogo (já com obras publicadas) cumpre-me fazer eco de preocupações colectivas. Será que o direito canónico permite esta liberdade? Deveria permitir?
Creio que o assunto é complexo e delicado. Da mesma forma que o CSM aconselhou os juizes a não se envolverem nos meandros do futebol há quem pense que a Igreja deveria aconselhar os seus clérigos a não se envolverem nos sinistros meandros da política. No entanto julgo que é mais transparente uma candidatura a um lugar deliberativo (AM) do que estar por trás, a apoiar leviana e hipocritamente candidaturas, servindo de «comissário político», sendo utilizado como membro de «comissão de honra» ou usando o púlpito para servir de turibulário ao poder instalado.
Isso ainda é mais grave e intolerável!

Marcadores:

O calor aperta...

s
Esta joga futebol feminino. Quer reintroduzi-lo na Junqueira. Dizem alguns (que não eu...) que o que ela quer é ser presidente da junta... Será ?!
Esse toque de classe
Só estética e pragmatismo
Diz que à bola sabe jogar
Também tem «classe» sem snobismo...
Simples e desprendida és
Se bem que... eu nem tudo conheça
Só sei que és tão boa de pés
Como excelente... de cabeça...
Nos cantos... sabes ir acima
Voar bem alto entre as centrais
Tua garra a todas anima
Os «nós cegos» são geniais...
A mestria do teu jogar
Cultura táctica total
Fazem de ti, «Bé», lapidar
Sei lá... mereces vinte e tal...
A bancada não só delira
Como se rende... à evidência
Além de seres... moça gira
Tens o dom da sã convivência!
Nota: Não é da minha idade nem das minhas relações de amizade. Mas o namorado, que conheço,
diz que tem medo que ela ainda vá para o Atlético de Madrid... sei lá, está lá o CR7!... Será?
Eu garanto que ela não dá o telefone a ninguém!

Marcadores: